domingo, 17

de

outubro

de

2021

ACESSE NO 

SEGUNDA, 26/7: Dez de 13 setores da indústria retomam nível pré-pandemia e reabertura de escolas em destaque

Últimas Notícias

- Ads -

26 de julho de 2021

O Globo

Reabertura de escolas públicas avança com queda de casos de Covid


Após falta de doses, Saúde anuncia novo lote
Escassez de peças limita produção da indústria
Planalto reorganiza forças com chegada de Ciro Nogueira
Queiroz reaparece e reclama de ‘abandono’
Volta aos palcos e disco em homenagem a João Gilberto
Tóquio 2020 – tradicional e o novo como primeiros triunfos
Drones são aliados em ações de fiscalização e salvamento no Rio
EUA mantêm tropas na Síria mesmo após anúncio de retirada





  • Após falta de doses, Saúde anuncia novo lote
  • Escassez de peças limita produção da indústria
  • Planalto reorganiza forças com chegada de Ciro Nogueira
  • Queiroz reaparece e reclama de ‘abandono’
  • Volta aos palcos e disco em homenagem a João Gilberto
  • Tóquio 2020 – tradicional e o novo como primeiros triunfos
  • Drones são aliados em ações de fiscalização e salvamento no Rio
  • EUA mantêm tropas na Síria mesmo após anúncio de retirada



O Estado de S. Paulo

10 de 13 setores da indústria retomam nível pré-pandemia

De 13 dos principais setores da indústria brasileira, 10 já retomaram ou superaram os níveis de atividade que exibiam antes da covid-19. A produção de cimento está 22% acima do registrado em 2019. No setor de papel, o crescimento é de 15% e no de plásticos, de 7,9%. A expectativa é que esses setores possam seguir acelerando, ancorados no avanço da vacinação, que pode elevar o consumo. Mas há barreiras. A maior preocupação é que uma nova cepa do vírus obrigue governos a adotar medidas de isolamento, o que poderia ter efeito direto na recuperação da economia. Há também os desafios da pressão de custos de matérias-primas e de energia elétrica, desemprego e falta de componentes para a produção em alguns setores. O aumento dos juros, que muda a capacidade de investimento das empresas e a do consumidor em se financiar, também é uma preocupação no radar.




  • No varejo, perdas de R$ 873 bi
  • Militares são alvo de 278 investigações sobre desvios
  • Famílias lotam abrigos em SP
  • Christian Lynch – ‘Falta força ao presidencialismo’
  • Nutrição ajuda contra sequelas pós-covid
  • SP reabre área do Anhangabaú
  • Tóquio 2020 – ‘Vivendo um sonho’





Folha de S. Paulo

Indicações expõem desgaste e aparelhamento do governo

O desgaste político de Jair Bolsonaro levou o presidente a negociar com o Senado para destravar as sabatinas de indicados a órgãos de controle da magistratura e do Ministério Público, agências reguladoras e postos no exterior. A oposição resiste a boa parte dos nomes da lista, que embute o aparelhamento pelo governo e um jogo de apadrinhamento político.

Nos bastidores, diversos senadores colocam em xeque o sistema de escolha para os cargos na administração pública. Avaliam que as articulações políticas do governo com sua base de apoio nas duas Casas acabou transformando as sabatinas em um processo “pró-forma” e o Senado em uma “agência de reserva de emprego”.

Foi o que disse o senador Alessandro Vieira (Cidadania-ES) no final do ano passado, quando o governo se antecipou e indicou Jorge Oliveira para a vaga de ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) sem que o posto estivesse vago.

Na ocasião, o senador recorreu ao STF (Supremo Tribunal Federal) para barrar a sabatina por entender que a indicação prematura era uma forma de constranger o Senado.

Dentre os indicados do momento, alguns já aprovados na sabatina, há militares, juízes envolvidos com pessoas que foram alvo de investigações da Polícia Federal, advogados sem experiência na área em que atuarão, e até servidores ligados a políticos do centrão hoje alvo das investigações sobre irregularidades na compra de vacinas contra o coronavírus.

O escrutínio para os cargos ocorre no momento em que Bolsonaro lançou o advogado-geral da União, André Mendonça, ao STF. Nos bastidores, seu nome sofre críticas de parte dos ministros do Supremo.​





  • Operações contra festas em SP têm infiltrados e xerife
  • Reforço de vacina pode servir para mais vulneráveis
  • ‘Metralhadora tá cheia de balas’, avisa Queiroz
  • Gostinho por quatro horas
  • Tóquio 2020 – Medalha na estreia do skate