sexta-feira, 1

de

julho

de

2022

ACESSE NO 

Enquete: Para 92,4% dos participantes, Pike também deveria renunciar

Últimas Notícias

- Ads -

Para 60,9%, renúncia de Passos é atestado de culpa

Para 60,9% dos 660 participantes da enquete realizada pelo JMais por 24 horas entre quinta-feira, 21, e sexta-feira, 22, por meio do WhatsApp, a renúncia de Beto Passos (PSD) ao cargo de prefeito de Canoinhas é um atestado de confissão dos crimes pelos quais é acusado. Passos foi preso junto com outras 12 pessoas na sétima fase da Operação Et Pater Filium. Para 34,2% dos participantes da enquete, a renúncia foi uma decisão justa, enquanto que para 4,8% apenas, a decisão foi precipitada.

Com a renúncia de Passos, Renato Pike (PL) é prefeito por direito no momento, sendo substituído pelo presidente da Câmara, Willian Godoy (PSD), porque segue preso no Presídio Regional de Jaraguá do Sul. Ele passa por um processo que pode culminar com seu impeachment na Câmara de Vereadores. Para 92,4% dos ouvidos pela enquete, contudo, Pike deveria seguir o exemplo de Passos e renunciar. Apenas 7,6% acham que ele não deveria renunciar.

A enquete não é uma pesquisa e não tem nenhum valor científico. Veja os números: