quinta-feira, 18

de

abril

de

2024

ACESSE NO 

Diretor do Procon SC é acusado de assédio sexual e moral

Últimas Notícias

- Ads -

Roberto Salum nega acusações

PESADO

- Ads -

O diretor do Procon estadual, Roberto Salum, foi exonerado depois de um escândalo envolvendo assédio moral e sexual explodir na repartição. Ele contratou o advogado Claudio Gastão da Rosa Filho para defendê-lo das denúncias.

A primeira denúncia, investigada pela Polícia Civil, veio à tona na quinta-feira, 28, o que fez o governador Jorginho Mello (PL) adotar a medida contra o aliado. A defesa de Salum diz que ele tem “conduta ilibada”.

A vítima é funcionária de uma empresa terceirizada que presta serviço ao Procon de Santa Catarina. A mulher de 30 anos registrou um Boletim de Ocorrência no qual acusa Salum de insistir para irem até o Centro Administrativo, sede do governo, de carona. A mulher ainda admitiu que aceitou devido à insistência do acusado. Ao estranhar o percurso escolhido pelo acusado, a servidora perguntou e ouviu que ele precisava passar em casa, em Palhoça. Segundo ela, no caminho o chefe pediu um beijo e, diante da recusa, a agarrou e a beijou à força.

Segundo a NDTV divulgou no fim de semana, há 15 relatos entregues à ouvidoria que acusam Salum por condutas como abuso de autoridade, assédio moral, além de diferentes episódios de desrespeito. Os documentos foram registrados junto a Secretaria da Indústria, do Comércio e do Serviço, na qual o Procon faz parte.

Palavras como “desrespeito”, “humilhação” e “perseguição” são frequentemente utilizadas para descrever o assédio. Algumas denúncias revelam que o acusado teria exposto arma de fogo aos servidores.

Nesta segunda-feira, dia 1º, veio à tona mais uma denúncia envolvendo assédio sexual por parte de Salum.

Uma coletiva de imprensa está marcada para esta terça-feira, 2, para detalhar a defesa do agora ex-chefe do Procon estadual.




SC 120

O vereador André Flenik (PL) está questionado Jerry Comper, secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, sobre as obras de melhoria na SC-120 no trecho que conecta Canoinhas a Timbó Grande. “Como está sendo feita a manutenção da via? Como está especificado o sistema de drenagem da rodovia? Qual material é aplicado sobre a rodovia?”, questiona.




FALTOU FEIJÃO

Segundo a vereadora Tatiane Carvalho (MDB), está faltando feijão nas escolas municipais. “Quais medidas estão sendo adotadas para garantir uma alimentação adequada e variada para as crianças atendidas pelos CEIs?”, questiona.



ÁGUA

O vereador Mauricio Zimmermann (PL) voltou ontem solicitando a Adriel Furtado de Castilho, gerente da Casan de Canoinhas, a instalação de um reservatório de água no Alto do Frigorífico, semelhante ao que foi instalado em Marcílio Dias e no Residencial Nossa Senhora Aparecida. “Seria ideal em torno de 150 a 200 mil litros de capacidade para atendimento da comunidade que está se desenvolvendo a cada dia e com frequência fica sem o abastecimento de água. Tem escola nesta comunidade, mercado, loteamento novo e mais de 250 famílias que serão atendidas neste pleito”, apela.




ENDIVIDAMENTO

A vereadora Tatiane Carvalho (MDB) está questionando a capacidade de endividamento do Município já que aportou na Câmara o pedido de empréstimo de R$ 10 milhões junto ao Badesc, um substituto ao pedido dos famigerados R$ 30 milhões do Banco do Brasil.




RECURSOS

O deputado federal Ricardo Guidi (PSD) está encaminhando emenda de R$ 150 mil para Canoinhas. “Esse recurso irá promover o esporte, a cultura e o lazer em Canoinhas, além de movimentar a cidade com eventos turísticos que podem atrair pessoas de diversas regiões para a prática esportiva, movimentando a economia da cidade”, comemora o vereador Willian Godoy (PSD). O valor deve ser destinado para a revitalização da Praça Miguel Procopiak.





A SEMANA

Jorge Seif

A semana será marcada no cenário político nacional pelo julgamento do pedido de cassação do mandato do senador Jorge Seif (PL-SC) no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A sessão será nesta quinta-feira, 4, às 10h. Sete ministros votam para decidir se ele vai ser cassado ou não. No Tribunal Regional Eleitoral em Santa Catarina (TRE-SC) o senador teve vitória por 7 a 0. Contudo, no TSE o cenário é bem mais complicado para o senador.




DANÇA DAS CADEIRAS

O ex-senador Dario Berger/Divulgação

Na última semana para os pretensos candidatos trocarem de partido, o ex-senador Dario Berger trocou o PSB pelo PSDB. O ex-deputado estadual Bruno Souza deixou o Novo e migrou para o PL. Já o deputado estadual Egídio Ferrari trocou o PTB pelo PL.




FERIADO

O governador do Paraná, Ratinho Jr. (PSD), passou o feriadão de Páscoa em Santa Catarina. Na vinda, esteve com a deputada estadual Paulinha (Podemos) e o marido dela e prefeito de Bombinhas, Paulinho (PSD). A informação é do colunista Anderson Silva, da NSC.

- Ads -
Olá, gostaria de seguir o JMais no WhatsApp?
JMais no WhatsApp?