domingo, 19

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Lojistas de Canoinhas lançam campanha contra lockdown

Últimas Notícias

- Ads -

Decreto estadual fecha comércio considerado não essencial das 23h desta sexta até segunda

 

 

Com o receio de um novo lockdown, o Sindilojas Canoinhas e Região e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) lançaram nesta sexta-feira, 12, uma campanha com o objetivo de demonstrar que não é culpa do comércio o contágio pelo novo coronavírus, que o setor lojista está fazendo a sua parte, seguindo rigorosamente as normas sanitárias para tentar conter o avanço da covid-19.

 

 

 

“Se essa porta fechar de novo, ela pode não abrir mais”, diz o cartaz que está sendo divulgado pelas duas entidades. Todos os lojistas de Canoinhas e região poderão aderir à campanha e divulgar a arte em suas páginas do Facebook ou em outras redes sociais. Ainda na tarde desta sexta, também deverá estar disponível os cartazes da campanha, para serem colocados nas vitrines. Segundo o Sindilojas, esse cartaz não terá custo para os empresários e será entregue uma unidade por empresa.

 

 

 

De acordo com pesquisa divulgada pelo Sebrae, no ano passado, entre abril e maio, os setores de comércio e os serviços foram fortemente impactados com a suspensão total ou parcial das atividades. Com a política de distanciamento e isolamento social, 20% das empresas do setor de serviços foram temporariamente fechadas.  A queda no volume de vendas chegou a 73,6% no serviços e 65,2% no comércio.

 

 

 

Nesta sexta-feira, 12, entra em vigor o decreto 1.200, do Governo do Estado, com regras e medidas de enfrentamento à covid-19. Para o fim de semana, haverá mais restrições, elas são válidas a partir das 23h desta sexta até as 6h da próxima segunda-feira, 15. Durante a próxima semana também estão especificadas regras para o funcionamento de atividades, com limites de horário e ocupação.