Como doar para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul? Veja os canais oficiais

segunda-feira, 24

de

junho

de

2024

ACESSE NO 

Como doar para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul? Veja os canais oficiais

Bela Vista do Toldo: Vereador pede para Câmara votar projeto que ele não leu

Últimas Notícias

Confrontado por colega, Mauro Falkievicz disse depois que projeto seria para comprar pedras


NÃO VI, MAS GARANTO

- Ads -

Uma discussão entre os vereadores Maíra Mizwa (PL) e Mauro Falkievicz (UB) resultou em uma revelação inusitada na sessão da semana passada. Os dois discutiam a inclusão de um projeto de lei para votação ainda naquela sessão. O projeto seria de interesse do governo, apoiado por Falkievicz. “Não fico batendo boca de varde aqui”, disse Falkievicz, afirmando que prefere resolver os problemas diretamente com o prefeito.

“O senhor já sentou e leu esse projeto?”, perguntou Maíra se referindo ao PL que ele tentava emplacar na sessão. Mauro respondeu que “não importa. Eu não li”. Maíra se surpreendeu e perguntou: “Como não importa?”.

Desconversando, Falkievcz disse que “são R$ 750 mil para pedras (britas), mas eu vi, eu li”.

“Primeiro o senhor diz que leu e depois diz que não leu. O que o povo tem dito é que o senhor tem abandonado a Serra do Lucindo e que o senhor não precisa muito de estrada porque o senhor passa de 4×4”, disse Maíra se referindo a caminhonete do colega e a região onde vive.

O presidente da Casa, Gilvane Machado (UB), pediu que os vereadores acalmassem os ânimos que a Maíra encerrasse sua fala na tribuna, dando cabo da discussão.

A coluna procurou Falkievicz, mas ele não respondeu.





SEIF GANHA TEMPO

O Tribunal Superior Eleitoral suspendeu na terça-feira, 30, o julgamento que pode cassar o senador Jorge Seif (PL-SC – foto) e determinou novas diligências no caso. O bolsonarista é acusado de ter cometido abuso de poder econômico na campanha de 2022.

O julgamento começou no início do mês, mas foi interrompido e retomado nesta terça com o voto de Floriano de Azevedo Marques, relator do recurso. Ele entende que faltam informações para embasar uma decisão da corte sobre as acusações que pesam contra o parlamentar. O colegiado acatou a proposição.

Além de Seif, as acusações pesam contra os dois suplentes da chapa, Hermes Artur Klann e Adrian Rogers Censi, os empresários Luciano Hang, dono das lojas Havan, e Almir Manoel Atanázio dos Santos, presidente do Sindicato Calçadista de São João Batista.





DIRETORIA

O arquiteto e urbanista Ederson Jean Schroeder assumiu a presidência da Associação dos Arquitetos e Engenheiros do Vale do Canoinhas em cerimônia na noite desta sexta-feira, 26. Ele preside a entidade até 2026. Na foto toda a diretoria da instituição empossada com Schroeder.






FAIXA EXCLUSIVA

Na sessão ordinária desta terça-feira, 30, a Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei que cria normas para a implantação de faixas exclusivas para motos nas rodovias estaduais de Santa Catarina. A iniciativa é do deputado Sérgio Guimarães (União).

O texto determina que sejam priorizadas as rodovias com mais registros de acidentes com veículos automotores de duas rodas. Também propõe a possibilidade de uso de faixas de transporte coletivo até que sejam estabelecidas as faixas específicas para motocicletas, motonetas e ciclomotores.







CADASTRO

Nesta terça-feira, 30, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa aprovou proposta para criar um cadastro estadual de pedófilos e agressores sexuais já julgados e condenados.

De acordo com o projeto, a Secretaria de Estado da Segurança Pública ficaria responsável por regulamentar os procedimentos de criação, atualização, divulgação e acesso desse banco de dados. A matéria é de autoria do deputado Carlos Humberto (PL).






SUPLENTE

Durante a sessão ordinária desta terça-feira, 30, a Assembleia Legislativa deu posse ao deputado estadual suplente André de Oliveira (Novo). Ele vai substituir o colega de partido, deputado Matheus Cadorin, licenciado pelo período de 30 dias.

Representante da região de Itapema, Oliveira disse que, em seu mandato, vai defender pautas como a não obrigatoriedade da vacina contra covid-19 e o incentivo ao livre mercado.

- Ads -
Olá, gostaria de seguir o JMais no WhatsApp?
JMais no WhatsApp?