quinta-feira, 23

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Alimentos e madeira lideraram criação de vagas na indústria em Canoinhas em 2020

Últimas Notícias

- Ads -

Dados do Caged mostram que Canoinhas foi a 18ª cidade que teve maior saldo positivo de empregos

 

 

Ampliando a lupa sobre os dados de empregos criados em Canoinhas no ano passado, percebe-se que além do destaque do comércio varejista, mais especificamente o setor supermercadista, a indústria também contribuiu substancialmente para o aumento de vagas criadas.

 

 

 

A compra do Fricasa pelo grupo Pif Paf criou um saldo positivo de 159 empregos na indústria de abate e fabricação de produtos derivados de carne. A indústria madeireira também contribuiu, com saldo positivo de 125 vagas.  De modo geral, a indústria teve saldo positivo de 308 vagas. O número é maior que o do comércio, que teve saldo positivo de 245 empregos. O setor de serviços também teve saldo expressivo: 242 vagas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dados referentes a Canoinhas

 

 

 

Os dados consolidados mostram que em relação a 2019 em Canoinhas houve aumento de 403% na oferta de empregos. Naquele ano, o saldo positivo havia sido de 158 empregos. A variação em 2020 do saldo é de 16%.

 

 

 

O ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Canoinhas, que esteve frente à pasta em 2020, Marcos Tiago Gonçalves, acredita que a Pif Paf teve impacto importante na geração de empregos. “Mesmo na crise eles continuaram contratando”, destaca, lembrando que a indústria do papel também contratou mais devido a demanda. A CIA Canoinhas de Papel é uma das maiores empregadoras de Canoinhas. Tiago frisa ainda a força do comércio e setor de serviços local, que atrai clientes de toda a região. “Foi sem dúvida um ano histórico para Canoinhas”, comemora.