sexta-feira, 19

de

abril

de

2024

ACESSE NO 

Agência de Defesa Agropecuária do PR confirma caso de raiva no interior de São João do Triunfo

Últimas Notícias

- Ads -

Principal suspeita é de que boi tenha tido contato com morcego contaminado

- Ads -

Um caso de raiva em bovino foi confirmado pela Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar) na região da Guaiaca, São João do Triunfo, nesta semana. De acordo com Jurema Iara Luz, fiscal da Adapar, a equipe foi a responsável pela coleta do encéfalo (cérebro) do animal morto, envio do material para a análise e confirmação da raiva.

A principal suspeita é de que o animal tenha tido contato com um morcego contaminado. “Infelizmente temos um caso confirmado laboratorialmente, e essa doença geralmente os animais são atacados por morcego hematófago ou também existe a possibilidade de ataque de mordedura de algum outro animal silvestre também contaminado com a raiva”, explicou Jurema.

A raiva é uma doença viral grave que afeta o sistema nervoso central de mamíferos, incluindo seres humanos. A raiva é transmitida principalmente pela saliva de um animal infectado, geralmente por meio de mordidas ou arranhões. Segundo Jurema, a Adapar também investiga a morte de outros animais da região que possam ter contraído a doença e a equipe também segue orientando moradores próximos de onde o caso foi confirmado para aplicarem a vacina contra a raiva.

Qualquer informação sobre focos de morcegos e até mesmo animais com suspeita da doença, procure a Adapar de São Mateus do Sul, que também é responsável pelas cidades de São João do Triunfo e Antônio Olinto. Contato no telefone: (42) 3532-6847.



PREVENÇÃO

A melhor forma de prevenção contra a raiva é a vacinação. Vacinar animais de estimação e também animais de criação contra a raiva é essencial para evitar a propagação da doença. Além disso, é importante evitar o contato próximo com animais selvagens desconhecidos e procurar cuidados médicos imediatos em caso de mordida ou arranhão por um animal suspeito de estar infectado.

Os sintomas da raiva em animais podem variar um pouco dependendo da espécie e do estágio da infecção. Aqui estão alguns dos sintomas mais comuns observados em animais infectados pela raiva:

  1. Mudança de Comportamento: os animais infectados podem exibir mudanças de comportamento repentinas e inexplicáveis. Isso pode incluir agressividade, irritabilidade ou, ao contrário, apatia e reclusão em animais normalmente sociáveis.
  2. Sintomas Neurológicos: conforme a doença progride, sintomas neurológicos se tornam mais evidentes. Isso pode incluir dificuldade para caminhar, movimentos descoordenados, tremores musculares, convulsões e paralisia.
  3. Dificuldade para Engolir: animais com raiva podem ter dificuldade para engolir, o que pode resultar em salivação excessiva ou espuma na boca.
  4. Vocalização Anormal: alguns animais infectados podem vocalizar de forma anormal, como uivos, latidos ou miados incomuns.
  5. Hipersensibilidade: podem tornar-se hipersensíveis a estímulos sensoriais, como luz, som e toque, reagindo de forma exagerada a esses estímulos.
  6. Fase de Paralisia: à medida que a doença avança, pode ocorrer uma fase de paralisia, onde o animal não consegue se mover ou responder a estímulos externos.
- Ads -
Olá, gostaria de seguir o JMais no WhatsApp?
JMais no WhatsApp?