Vereadores de Canoinhas querem informações sobre gastos emergenciais por causa da pandemia


Sessões da Câmara de Canoinhas têm sido online/Reprodução

Requerimento foi aprovado nesta segunda-feira, 11

 

 

DESPESAS

A Câmara de Vereadores de Canoinhas aprovou nesta segunda-feira, 11, requerimento formulado pela Comissão Parlamentar Especial de Fiscalização e Enfrentamento à
covid-19 para cobrar do prefeito Beto Passos (PSD) prestação de contas sobre tudo que está sendo gasto emergencialmente, inclusive com dispensa de licitação, para combater o avanço do coronavírus em Canoinhas.

 

 

 

O requerimento pede cópia do relatório sobre os gastos ocorridos por parte da prefeitura desde o início da pandemia de covid-19. Cópia do requerimento foi encaminhada ao Ministério Público de Santa Catarina.

 

 

 

 

Outro requerimento versa que “sejam ampliadas a desinfecção de ruas do Município, principalmente em locais de grande circulação”. “Acho superimportante isso, porque tem pessoas prevaricando em relação à pandemia ainda”, comentou a vereadora Telma Bley (MDB).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CRESCENTE

As autoridades de Saúde de Três Barras e Canoinhas devem ampliar o número de casos confirmados com covid-19 ainda nesta terça-feira. Uma remessa de resultados de novos exames chegou nesta segunda-feira, 11.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PERIGO

Mesmo com a escalada de novos casos de covid-19 em Canoinhas, o Município continua permitindo a realização das Feiras de Artesanato na praça Oswaldo de Oliveira. No fim de semana houve uma razoável aglomeração de pessoas na praça. Entende-se a necessidade de todos ganharem o seu, mas alternativas como venda pela internet, por exemplo, seriam mais prudentes neste momento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

HOMENAGEM

Gastão Dias Junior era pediatra/Divulgação

O médico canoinhense Gastão Dias foi homenageado no programa Fantástico da TV de Globo neste domingo, 10.

 

 

 

 

Gastão foi o primeiro médico da linha de frente do combate à pandemia do novo coronavírus a sucumbir à covid-19 em Santa Catarina. Ele morava em Itapema e atuava em Balneário Camboriu.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ACAREAÇÃO

A primeira reunião de trabalho da comissão parlamentar de inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa que vai investigar suposta irregularidades na compra de respiradores artificiais é um dos principais destaques da agenda do Parlamento catarinense nesta terça-feira, 12. A comissão se reúne às 17 horas, no Auditório Antonieta de Barros.

 

 

 

 

No encontro, os integrantes da CPI vão votar o pedido dos deputados João Amin (PP) e Laércio Schuster (PSB) para acareação entre os ex-secretários Douglas Borba e Helton Zeferino e a servidora Márcia Pauli. Segundo os parlamentares, os três tiveram envolvimento com a compra dos 200 respiradores pela Veigamed, no valor de R$ 33 milhões. A CPI também votará requerimentos para convocação de testemunhas, além de deliberar sobre o cronograma de trabalho da investigação.

 

 

 

Também nesta terça-feira, a comissão especial da Alesc que acompanha os gastos públicos com a pandemia de Covid-19 em Santa Catarina fará mais uma reunião, a partir das 13h30. Ainda estão programadas a reunião ordinária da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), a partir das 10 horas, e a sessão ordinária, às 15 horas. Todas as atividades estão marcadas para o Plenário Deputado Osni Régis.

 

 

 

 

 

 

 





Deixe seu comentário: