Como doar para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul? Veja os canais oficiais

domingo, 14

de

julho

de

2024

ACESSE NO 

Como doar para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul? Veja os canais oficiais

Troca-troca partidário tirou cargos de cinco partidos na comarca de Canoinhas

Últimas Notícias

De 11 partidos que elegeram alguém em 2020, apenas seis sobreviveram

CONCENTRAÇÃO

- Ads -

O troca-troca com a abertura da janela partidária aberta em março levou a uma concentração partidária na comarca de Canoinhas. Dos 11 partidos que elegeram vereadores em 2020, apenas seis sobreviveram com cargos.

Considerando todos os vereadores eleitos em Canoinhas, Major Vieira, Três Barras e Bela Vista do Toldo, o União Brasil (UB) tinha somado o maior número de eleitos, totalizando oito. O UB segue na liderança, inclusive somando mais nomes, chegando em 2024 a 11 filiados com mandato.

O MDB elegeu seis nomes em 2020, mas perdeu a vereadora Zenilda Lemos para o UB nesta ano.

O PL alcançou cinco eleitos em 2020 e somou mais dois nomes neste ano – Adilson Steidel e André Flenik.

O PSD elegeu quatro pessoas em 2020 e somou o vereador bela-vistense Dinei Berdnaski neste ano.

PSDB, Podemos e Progressistas elegeram três nomes cada em 2020. O PP ganhou o vereador de Bela Vista do Toldo, Gilvane Machado, neste ano. O Podemos somou mais três nomes – a vereadora Vilma Müller (Major Vieira) e os vereadores três-barrenses Dionice Guimarães e Ernani Jr. Já o PSDB perdeu todas as cadeiras conquistadas em 2020.

O PTB, com três cadeiras em 2020, perdeu todas neste ano também.

O Republicanos, Cidadania e PSL tinham eleito apenas um representante em 2020. O Republicanos e o Cidadania ficaram sem nada em 2024 e o PSL fundiu com o DEM, resultando no UB.






PREFEITOS

Em relação aos prefeitos, nenhum dos que elegeram nomes em 2020 perdeu cadeiras. O PT tinha entrado na roda com Edson Schroeder, eleito de modo indireto depois da cassação do prefeito. Schroeder, contudo trocou o partido de Lula pelo Progressistas (PP).

O PSDB tinha quatro prefeitos, mas perdeu dois, incluindo Juliana Maciel Hoppe, que se abrigou no PL, partido de Jair Bolsonaro que não elegeu nenhum nome em 2020, mas agora tem três prefeitos (além de Juliana, Jean Medeiros, de Monte Castelo; e Valdecir Krauss, de Bel Vista do Toldo).

O PSD tinha dois prefeitos, mas perdeu Mozer, de Itaiópolis, para o PP.

Hoje, o placar está bem equilibrado. Com três prefeitos está o PL, na liderança. Já o PP, MDB e PSDB têm dois prefeitos cada. Já com um prefeito estão UB e PSD.






BRONZE

Presidente da Câmara de Canoinhas, Maurício Zimmermann (PL) retornou nesta segunda à Câmara, bronzeado e de bem com a vida. Nenhum questionamento sobre o lapso do pedido de licença para viagem ao exterior.






SELETIVA

A vereadora Tatiane Carvalho (MDB) negou entrevista ao JMais para falar sobre o projeto do plano diretor que obriga loteador a pavimentar futuros loteamentos. Alegou não estar bem. Estava plena, contudo, em vídeo no Instagram negando ser presidente da Comissão Especial do Plano Diretor depois da matéria postada. Poderia ter se poupado do trabalho respondendo simplesmente que não era presidente da comissão, informação dada pelo vice-presidente da Câmara, André Flenik (PL).

Ocorre que a pergunta enviada pelo JMais dois dias antes da postagem da matéria, por WhatsApp, foi essa: “Queremos sua posição enquanto presidente da comissão que discute o plano diretor. Por que o PL está parado há tanto tempo na comissão e se tem previsão de quando liberá-lo para votação em plenário?”.

A vereadora não respondeu. Depois da reportagem publicada, ela postou o vídeo acusando o JMais de mentir.







REPÚDIO

Estudando na escola do colega, Osmar Oleskovicz (PSD), que opta malandramente por acusar o carteiro e não a mensagem, Tatiane joga distorções de informações feitas de modo claro, ético e responsável para as redes sociais, território onde, pelo menos sob seus seguidores, tem relativo controle. Resta saber se ocorre o mesmo com o grosso do povo.







QUEDA

O secretário de Articulação Internacional do governo de Santa Catarina, Juliano Froehner, foi exonerado pelo governador Jorginho Mello (PL) na sexta-feira, 21. O novo ocupante do cargo ainda não foi anunciado, com Paulinho Bornhausen sendo o nome mais especulado. 





NAS ONDAS DO RÁDIO

Radialistas e repórteres/apresentadores de TV têm até domingo, 30, para saírem do ar caso desejem se candidatar nas eleições deste ano.






HORAS EXTRAS

A Câmara de Canoinhas aprovou nesta segunda-feira, 24, projeto de lei que altera de 40 para 60 o máximo de número de horas extras que os servidores públicos municipais podem receber mensalmente.





- Ads -
Olá, gostaria de seguir o JMais no WhatsApp?
JMais no WhatsApp?