Três Barras tem maior número de candidatos a prefeito desde 1982


Prefeitura de Três Barras/Arquivo

Cinco candidatos disputam a prefeitura

 

 

 

Desde 1982 que Três Barras não tinha tantos candidatos a prefeito. Naquele ano, seis disputaram a prefeitura. Naquele período, o Brasil ensaiava a abertura política e o sistema eleitoral permitia que um partido lançasse mais de um candidato a prefeito. Dessa forma, naquele ano, Pedro Merhy Seleme (PDS), Ione de Souza (PDS), Ivan José da Costa (PDS), Nery Sardá (PMDB), Gerson de Souza (PMDB) e Felipe Bedretchuck (PMDB) lançaram candidatura. Souza foi o mais votado nas urnas, mas quem levou foi Seleme, seguindo critério da legislação vigente à época. O mandato deveria ser de 1982 a 1986, mas houve uma mudança na legislação eleitoral brasileira e o mandato foi até 1988, ou seja, seis anos ao invés de quatro.

 

 

 

 

Trinta e oito anos depois, Três Barras tem cinco candidatos a prefeito, maior número desde 1982.

 

 

 

 

Luis Shimoguiri (PSD) vai disputar a reeleição com Ana Claudia Quege (PP) na vice, tendo o apoio do PSL e PTB.

 

 

 

Seu atual vice, Gilson Nagano (PL) disputa a prefeitura com Gugo Cornelsen (PSC) na vice.

 

 

 

O vereador Marco Antonio de Souza (MDB) disputa com o ex-vereador Luciano Grein na vice.

 

 

 

Estreante na política, André Neves (PRTB) disputa também com chapa pura com o subtenente José Luis Hoffmann na vice.

 

 

 

Os partidos têm até 26 de setembro para registrar as candidaturas. Até lá pode haver desistências, mas não novas candidaturas. A campanha começa no dia seguinte.





Deixe seu comentário: