quinta-feira, 16

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Saúde de Irineópolis vacina idosos contra covid-19 em domicílio

Últimas Notícias

- Ads -

Pessoas com mais de 90 anos são os primeiros vacinados

 

 

Irineópolis recebeu 40 doses de vacina contra a covid-19. Elas serão utilizadas na imunização de pessoas com 90 anos ou mais e profissionais de saúde. A vacinação dos idosos inicia nesta quarta-feira, 10, e será realizada em domicílio, evitando aglomerações e proporcionando mais cuidado e proteção aos cidadãos nessa faixa etária.

 

 

 

Segundo a Secretaria de saúde, o número de doses recebidas será suficiente para imunizar toda a população com idade igual ou superior a 90 anos. Serão vacinados oito idosos que residem na área de abrangência da equipe de Estratégia de Saúde da Família (ESF) Centro I e oito da ESF centro II. Em São Pascoal, são três e na Serrinha quatro idosos devem receber a vacina. A ESF de Rio Branco deve imunizar sete cidadãos que fazem parte do grupo prioritário compreendido nesta etapa da vacinação.

 

 

 

Pessoas nesta faixa etária ou cuidadores que tenham alguma dúvida sobre a vacinação deste público podem entrar em contato com a enfermeira da unidade de saúde de sua localidade, ou com a Kelli, que trabalha na sala de vacina da unidade de saúde do centro. O telefone para contato é o 3625 1269.

 

 

PRIMEIROS VACINADOS

Manoel Pinto, de 105 anos, foi o primeiro idoso a receber a vacina contra a covid-19 em Irineópolis. A imunização aconteceu na tarde desta quarta-feira, 10, na residência da família localizada no bairro São Francisco. Até sexta-feira devem ser vacinados todos os idosos do município com idade igual ou superior a 90 anos.

 

A poucos metros da casa onde vive seu Manoel, dona Maria Ilda Chaves de Oliveira, de 90 anos, iniciava o preparo de uma receita quando recebeu a visita da técnica de enfermagem Keli Sostak Collaço, da sala de vacina do município e da enfermeira Aline Linzmeier Riske. Acompanhada pelo marido Ozório Braz de Oliveira, de 93 anos, dona Maria não escondeu a alegria ao receber as profissionais de saúde. “Graças a Deus que vocês vieram”, disse a idosa ao serem informados de que a visita tinha como motivo a vacinação contra a covid-19.

 

 

“Essa vacina para nós é o fortalecimento da saúde, porque a gente já está de idade e assim também é exemplo para os outros. Essa vacina é o que vai nos valer. Não adianta um chazinho daqui, um remedinho dali, por que é a vacina e não abusar. Ficar em casa, deixar o passeio e as praias para mais depois, do que às vezes se adiantar e lá na família um ou outro faltar”, comentou dona Maria Ilda. Seu Ozório também ficou contente por ter sido vacinado. Ele e a esposa devem continuar tomando todos os cuidados para se protegerem do coronavírus. “Estamos fazendo o possível, não estamos saindo fora, não passeamos e nem na igreja estamos indo mais, por medo”, relatou.

 

 

Com os olhos brilhando e os sorrisos escondidos atrás da máscara, seu Ozório e dona Maria se despediram da equipe com a satisfação de terem recebido a primeira dose da vacina. “ Temos que pedir a Deus fortemente que finalize esse vírus. Nós somos fortes, tanto na vida como na fé e na saúde, agora mais ainda!”, comemorou dona Maria.