terça-feira, 26

de

outubro

de

2021

ACESSE NO 

SÁBADO, 24/7: Consumidor pode pagar mais R$ 3,6 bi para evitar apagão e abertura das Olimpíadas

Últimas Notícias

- Ads -

Sábado, 24 de julho de 2021

O Globo

Ministério do Emprego terá o maior orçamento

Pasta comandada por Onyx terá FAT, FGTS e gestão de órgãos para acomodar aliados

O novo Ministério de Emprego e Previdência terá o maior orçamento da Esplanada. Ficarão sob sua gestão alguns dos principais fundos dos trabalhadores, como FGTS e FAT, além das aposentadorias e dos programas de emprego. Com maior espaço no governo, Onyx Lorenzoni deve abrigar aliados do governo, especialmente do Centrão. Ele pretende disputar eleições no próximo ano e deve ficar tempo no cargo.





  • O país que tenta triunfar nas ondas e nas pistas
  • Ação de Braga Netto esvazia voto impresso
  • Quase um ano após alta 60% têm sintomas da covid
  • Na pandemia, as formas traiçoeiras do negacionismo
  • Brasil e Argentina céticos sobre diálogo na Venezuela





Folha de S. Paulo

Consumidor pode pagar mais R$ 3,6 bi para evitar apagão

ONS alerta que falta de chuvas deve fazer capacidade de geração de energia do país chegar ao limite até novembro

A atual crise energética no Brasil pode custar ao consumidor mais de R$ 3,6 bilhões em acréscimos a conta de luz a fim de evitar um apagão, estima a Abraceel (Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia).

Segundo nota do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), quase todos os recursos das hidrelétricas devem se esgotar até novembro, fim do período de seca.

O custo para manter as usinas térmicas ligadas e impedir o colapso das hidrelétricas até a estação chuvosa, no fim do ano, deve se equiparar aos R$ 3,632 bilhões gastos de janeiro a maio, estima a Abraceel. O valor é repassado ao consumidor com as bandeiras tarifárias.

“É a crise mais grave em um século”, afirma Reginaldo Medeiros, presidente-executivo da associação.

“Não há muito a ser feito, além de usar todos os recursos disponíveis para evitar um racionamento. Vai sair mais caro, mas ninguém quer ficar sem luz”, diz.

O ONS elevou a previsão de carga para um parâmetro considerado mais ‘realista’ e alertou que a estiagem que atinge os reservatórios pode levar a capacidade de geração de energia do país ao limite.





  • Empresário ligado a Barros teria afiançado Covaxin
  • Procuradoria abre inquérito civil sobre propina da vacina
  • Vivemos a república do ódio, diz líder da Marcha para Jesus
  • Novo ato contra Bolsonaro testa vigor das ruas
  • Um ano após alta, 60% dos infectados relatam sequelas
  • Farmacêutica indiana nega ter assinado cartas apresentadas por ministério
  • Abertura mira superação na olimpíada
  • Folha Internacional completa dez anos
  • Massa polar pode levar a grave quebra de safra
  • Maternidade valerá para aposentar na Argentina







O Estado de S. Paulo



PF procura e não acha caso de fraude em urna eletrônica

Corregedoria pediu às 27 superintendências dados sobre investigações envolvendo os 25 anos de uso do sistema

Em levantamento que envolveu os 25 anos de utilização da urna eletrônica no Brasil, a Polícia Federal não encontrou, até agora, registros sobre fraudes no sistema, constantemente posto sob suspeita pelo presidente Jair Bolsonaro, informa André Shalders. Há cerca de um mês, o comando da corporação pediu às 27 superintendências que enviassem todas as denúncias de fraudes recebidas ou apuradas desde 1996. Ao pedir as informações, a Corregedoria da PF argumentou que a Câmara dos Deputados havia acabado de instalar a comissão especial do voto impresso e os dados eram necessários. Há uma única investigação registrada, em 2012, mas a PF concluiu que se tratava de tentativa de estelionato, não de fraude que tenha comprometido a eleição. Internamente, na PF, o pedido foi visto como tentativa de obtenção de dados que justificassem as acusações feitas por Bolsonaro.





  • USP expulsa seis alunos por burlar cota racial
  • CoronaVac tem alta ação contra morte de idosos
  • Polícia apura denúncia de Joice
  • Fabricante vê adulteração em compra de vacina indiana
  • Jogos da inclusão e da igualdade