Renato Pike nega que sua relação com o prefeito Beto Passos esteja abalada

Arquivo/Moisés Gonçalves/Divulgação

Vice-prefeito afirmou que não é contra o investimento do Superpão, mas que vai seguir comprando dos “mercados daqui”

 

 

TURBULÊNCIA NA BASE

Vice-prefeito Renato Pike (PR) afirmou em entrevista ao programa Fala Cidade, da 98FM, que não há relação abalada com o prefeito Beto Passos (PSD), a quem aproveitou para felicitar pelo aniversário comemorado na quarta-feira, 24. Para Pike, os rumores não passam de fofoca.


 

 

Sobre as críticas à vinda do Superpão para Canoinhas, Pike afirma que não é contra o investimento, mas que vai seguir comprando “nos mercados daqui”.

 

 

Perguntando sobre a nomeação de Nilson Cochask (PR) para a Secretaria de Deenvolvimento Econômico, reconheceu que a vaga é do PSD, portanto não teria sido uma decisão do PR sua acomodação na Secretaria. Sobre a demonstração de descontentamento com o arranjo, demonstrado por Cochask, Pike lembra que essa questão tem de ser tratada pelo PSD, já que o arranjo teria sido feito pelo partido, conforme denuncia foto publicada na coluna anteontem, frisa Pike. “O Nilson nunca disse na minha cara (que não gosta dele), mas não precisa gostar mesmo”, afirmou.

 

 

Perguntei a Pike sobre o acerto para as eleições 2020. Na campanha em 2016, Pike e Passos acertaram que o vice seria o candidato a prefeito apoiado por Passos na eleição do ano que vem. “É muito cedo para dizer algo, o povo vai decidir quem é o melhor candidato”, respondeu.

 

 

 

FORÇAS OCULTAS

A discussão sobre quem tirou Cochask da Câmara de Vereadores, contra sua vontade, é inócua segundo fontes ligadas ao Governo. Passos e Pike chegaram a conclusão de que em uma secretaria inexpressiva Cochask ganha menos palanque para desferir críticas que possam incomodar o governo.

 

 

MANIFESTAÇÃO

Está confirmada para às 15 horas deste sábado, 27, a manifestação contra a buraqueira da SC-477. A concentração será em frente ao portal de Major Vieira. Se chover forte na hora do protesto será transferido para o próximo sábado.

 

 

PSL

Também confirmada para este sábado, reunião regional do PSL. O encontro acontece no Clube Lafayette, a partir das 14hs, com a presença do deputado estadual Sargento Lima, deputado federal Fábio Schiochet e João Carlos Neves Neto, presidente do PSL Jovem Estadual. Participam ainda as suplentes de deputada estadual Vanessa Carazzo, Jana Marla, Cleusa Corrêa e todas as representantes do PSL Mulher em SC.

 

 

No encontro serão apresentadas as executivas do PSL homologadas na região da Associação dos Municípios do Planalto Norte (Amplanorte). Também serão apresentados os projetos do PSL para 2020 e as revindicações regionais em relação ao governo estadual e federal.

 

 

 

REPRESENTAÇÃO

Questionado no programa Repórter 98, da 98FM, sobre representatividade do governo Moisés em Canoinhas e região, o presidente municipal do PSL, Ethel Jacomel, diz que é preciso perguntar isso a quem foi a Florianópolis pedir para ser mantido em cargos do governo na região. Não deu nome aos bois, no entanto.

 

 



Ainda de acordo com Jacomel, da ala do PSL regional, somente Jeferson Lopes, de Mafra, emplacou um cargo no governo estadual. Ele é diretor da Maternidade Catarina Kuss.

 

 

 

 

PROTEÇÃO

Há anos do mesmo jeito, o horrendo Valetão que corta o centro de Canoinhas vai receber alguns reparos. O Município abriu licitação para compra de defesa metálica e guarda-corpo nas passarelas espalhadas pelo arroio. A tomada de preços para contratar empresa a fim de realizar o serviço aconteceu nesta semana.

 

 

 

 

FESMATE VEM AÍ

O Município de Canoinhas lançou nesta semana edital de pregão para licitar a empresa que vai promover a 23ª Fesmate, de 12 a 15 de setembro. As propostas serão abertas em 15 de maio.

 

 

O formato da festa deste ano será o mesmo da realizada no ano passado, com pelo menos três shows nacionais.

 

 

SEM SESSÕES

Como já cumpriram as oito sessões mensais, a Câmara de Canoinhas não terá sessões ordinárias na próxima semana.

 

 

 

MAJOR VIEIRA

A Engemass Engenharia e Construção venceu o processo licitatório para fazer obras de pavimentação no valor de R$ 3,8 milhões em Major Vieira. As obras devem ser concluídas em um ano.

 

 

 

DE 15 PARA 12%

O Supremo Tribunal Federal (STF) anulou a emenda constitucional que alterava o percentual mínimo de repasse para a área da saúde, mas o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) assegura que os investimentos no setor em Santa Catarina estão garantidos. O objetivo da administração estadual, assegura Moisés, é melhorar a qualidade do serviço prestado na área não apenas com o repasse dos recursos necessários, mas também com a qualificação da gestão.

 

 

“Se as gestões anteriores tivessem, de fato, investido 12% na saúde, não haveria R$ 750 milhões em dívidas como recebemos e que agora estamos pagando. A saúde precisa de investimentos, mas também de gestão competente. A decisão do STF veio para corrigir uma ilegalidade, uma inconstitucionalidade, mas a saúde continua com atenção prioritária do Estado”, reforça o governador.

 

 

Se já estava difícil o Hospital Santa Cruz de Canoinhas receber os R$ 1 milhão devidos pelo Governo do Estado, agora, piorou.

 

Deixe seu comentário: