terça-feira, 28

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Quatro tendências tecnológicas para 2021

Últimas Notícias

- Ads -

Home office e entretenimento são algumas das áreas em destaque

 

Mais um ano se passou, e 2021 chega com promessas de reconstrução e recuperação de diversos setores importantes da sociedade moderna. Dentre os principais nichos de interesse global está a tecnologia, que deve receber algumas inovações neste ano — e se você é um entusiasta do setor, preparamos alguns serviços e produtos que estão sendo esperados para 2021.

 

 

1. NOVO JEITO DE REALIZAR COMPRAS

O ano passado foi um período difícil para os varejistas. Mesmo assim, apesar de todas as intempéries, eles conseguiram encontrar alternativas para se manterem vivos no mercado econômico. Acredita-se que 2021 será marcado pela permanência do mix entre as compras online e o comércio físico.

 

 

A Amazon, por exemplo, está planejando ampliar suas lojas Go, onde não há pessoas trabalhando no caixa de pagamento. No estabelecimento, os clientes podem simplesmente entrar e escolher os produtos que querem e sair do local. Um intricado sistema de câmeras associado com inteligência artificial verifica os produtos que foram retirados das prateleiras e envia a cobrança para o cliente. O serviço atualmente está disponível somente nos Estados Unidos, e conta com 20 lojas em funcionamento, mas em breve deve chegar também no Reino Unido.

 

 

2. ENTRETENIMENTO DIGITAL

2020 foi o ano dos jogos eletrônicos e outras alternativas de entretenimento virtual, e essa tendência deve continuar em ascensão em 2021. Com a chegada da nova geração de consoles, o mercado dos games eletrônicos ficará bem aquecido neste ano — os aprimoramentos gráficos e de jogabilidade que aproveitam toda a potência dos novos aparelhos devem ditar o mercado nos próximos meses.

 

 

Da mesma forma, jogos mobile como Fortnite, Garena Free Fire e Clash Royale, deverão continuar recebendo atualizações e atraindo milhares de jogadores, assim como as melhores plataformas de cassino online com bônus sem depósito, onde qualquer pessoa pode ter acesso a diversos códigos de desconto, além de poder aproveitar ofertas de jogadas gratuitas num variado catálogo de jogos clássicos. Além dos games, o nicho das streamings deve continuar investindo pesado na criação de novos filmes e séries para manter seu público entretido. E longas cheios de efeitos especiais, como Matrix 4 e Duna, estão entre os mais aguardados para este ano.

 

 

3. VEÍCULOS AUTÔNOMOS

Fonte: Waymo via Facebook

Atualmente nos Estados Unidos — mais precisamente em Phoenix, cidade do Arizona —, cerca de 300 veículos autônomos estão em circulação, eliminando a necessidade de uma intervenção humana atrás do volante. A novidade é patrocinada pela Waymo One, que desde outubro do ano passado passou a disponibilizar o serviço ao público. A ferramenta tem suporte da Alphabet, grupo ao qual pertence a Google, e a Waymo está na vanguarda dos veículos autônomos para o translado de passageiros. Em 2021, ela pretende expandir seus horizontes para além de Phoenix.

 

 

Já uma das suas concorrentes, a Cruise, pertencente à General Motors, também está testando seus veículos automatizados na cidade de San Francisco, assim como a Lyft. Já o Uber não dará continuidade ao seu projeto de carros autônomos, e vendeu seu programa para a Aurora Technologies, uma afiliada da Amazon.

 

 

4. APRIMORAMENTO DO HOME OFFICE

Aparentemente, o home office veio para ficar. De acordo com uma pesquisa realizada pela consultoria CCS Insights, cerca de 60% das principais lideranças empresariais presentes na América do Norte e Europa Ocidental esperam colocar pelo menos 25% da sua força de trabalho — e em alguns casos até 100% dos colaboradores — para atuar remotamente.

 

 

Desta forma, o setor vem chamando a atenção de várias empresas de tecnologia, que estão buscando inovações para melhorar as ferramentas de trabalho necessárias para o home office, como o aumento  e incremento de provedores de internet e segurança ao trafegar na rede mundial de computadores.

 

 

Segundo Marina Koytcheva, vice-presidente do setor de previsões da CCS Insights, “A segurança definitivamente está incluída em nossas previsões quando se trata de trabalhar em casa, e ela poderia ser parte de um pacote. Não apenas um serviço extra, mas talvez como um roteador à parte, um roteador com ferramentas de segurança embutidas, até mesmo assistência técnica — porque uma empresa menor não consegue ter um funcionário de suporte remoto”. Além desses serviços, algumas ferramentas vêm tendo uma demanda enorme. Esse é o exemplo do quadro branco-digital, que proporciona facilidades para a colaboração entre os trabalhadores remotos, já que melhora a visualização de rascunhos e projetos criados por uma equipe.

 

 

Essas são algumas das tendências previstas para este ano. Apesar de algumas delas estarem um pouco distantes para a realidade do brasileiro, é reconfortante saber que a tecnologia continua recebendo aprimoramentos dia após dia.