domingo, 17

de

outubro

de

2021

ACESSE NO 

Possibilidade da cassação da chapa é esperança da oposição em Bela Vista do Toldo

Últimas Notícias

- Ads -

Adelmo Alberti e o vice Alfredo Cézar Dreher são acusados de compra de voto

ESPERANÇA

A oposição viu Adelmo Alberti (PSL) ser preso, mas viu também seu vice, Alfredo Cézar Dreher (Podemos) assumir o poder. Às 13h30 desta segunda, 12, eles têm esperanças de virar o jogo. Isso porque acontece hoje à tarde audiência que apura denúncia de compra de votos durante a campanha eleitoral de 2020. Dreher também é réu nesse processo e se a Justiça entender que houve compra de votos, ambos – Adelmo e Cézar – são cassados. Pela lei eleitoral, se isso ocorre haverá nova eleição direta. (CORREÇÃO: ATÉ ÀS 9h50 DE 12/7/21, A COLUNA INFORMOU ERRONEAMENTE QUE O SEGUNDO COLOCADO ASSUMIRIA)

Embora Adelmo esteja preso em Caçador, ele vai participar da audiência por meio de videoconferência, conforme já designado pelo juiz eleitoral Victor Luiz Ceregato Grachinski.

Além de serem acusados de compra de votos, Adelmo e Cézar são acusados de usar a máquina pública para favorecer a reeleição de Adelmo. A prisão dele nada contribuirá, certamente, para provar o contrário.

Fazem parte desse mesmo processo os vereadores Vilson Stelzner (PSL) e Gilvane Machado (PSL). Stelzner, que segue preso em Caçador, também participará da audiência por vídeo.

Há de se atentar para o fato de ser um processo em primeira instância e de não serem poucos os graus recursais disponíveis aos quatro.







NA TELINHA

Paulo Glinski (2º na primeira coluna) defende prefeito de Bela Vista do Toldo

Falando em videoconferência, os advogados Paulo e Luiz Glinski (irmãos) defendem Adelmo neste processo, assim como também estão defendendo o prefeito nos processos de corrupção e receptação de veículo roubado. Paulo defendeu Adelmo na primeira audiência de custódia por videoconferência realizada pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina na quarta-feira, 7. A decisão foi por manter o prefeito preso.









PRORROGADO

Prefeito Beto Passos (PSD) assinou decreto prorrogando até 31 de outubro o estado de calamidade pública em Canoinhas por causa da pandemia de covid-19. Três Barras também fez o mesmo.





RECOMPOSIÇÃO

Jaraguá do Sul conseguiu liminar judicial para não sustar a recomposição anual dos servidores públicos. Conforme a coluna trouxe na semana passada, por orientação do Supremo, Canoinhas e várias prefeituras do país, retiraram neste mês de julho a reposição concedida em janeiro.






NO APP

Darci de Matos/Will Shutter/Câmara dos Deputados

O deputado federal Darci e Matos (PSD) protocolou projeto de lei 2402/21 que isenta de IPI a compra de veículos pelos profissionais do transporte individual de passageiros e de entrega por aplicativos. A categoria que mais cresce no país enfrenta sérias dificuldades, como reajuste do combustível, tarifa defasada e a alta taxa cobrada pelas empresas multinacionais. Segundo o IBGE, de cada 400 brasileiros, um trabalha com transporte ou entrega por aplicativo, transformando o Brasil no segundo maior mercado mundial do Uber e seus assemelhados.