terça-feira, 5

de

julho

de

2022

ACESSE NO 

Polícia Civil elucida homicídio e prende dois em Irineópolis

Últimas Notícias

- Ads -

Um dos suspeitos ficou dois dias foragido, escondido em um matagal

Policiais civis elucidaram um homicídio praticado contra Bruno Kroll, de 56 anos, em Irineópolis, e cumpriram dois mandados de prisão. O trabalho de investigação e prisão dos suspeitos é uma ação conjunta da Polícia Civil de Porto União, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC), e da Delegacia de Irineópolis.

O crime foi registrado no dia 5 de junho no bairro Valões. A vítima foi encontrada morta em sua casa e apresentava um ferimento na cabeça causado por golpes de um objeto cortante, como um facão.

Foram aproximadamente duas semanas de intensas investigações quando a Polícia coletou material probatório suficiente para representar pela prisão dos suspeitos que têm 22 e 40 anos, respectivamente.

Segundo a Polícia Civil, a operação foi desencadeada na segunda-feira, 20, sendo cumprido mandado de busca e apreensão na casa dos suspeitos, bem como a prisão de um deles.

O segundo suspeito, entretanto, não se encontrava no local. Ele ficou foragido no mato por dois dias e nesta quarta-feira, 22, após buscas, foi localizado e preso por policiais militares do serviço reservado na localidade de Poço Preto. Com a prisão do segundo suspeito e após sua oitava, a Polícia Civil deu por elucidado o homicídio.

Quanto à motivação do crime, a principal linha de investigação da Polícia Civil é de que o crime tenha sido um possível furto que terminou em homicídio, já que a vítima era lenheiro e sempre comercializava em dinheiro, informou o delegado Samir Rodrigues da Silva, responsável pela Delegacia do Município de Irineópolis.

Nos próximos dias, o inquérito policial que apura o crime, será finalizado e remetido para apreciação do Ministério Público e Poder Judiciário local.