Pedido de vistas adia abertura de envelopes da licitação do estacionamento rotativo

Coletiva na manhã desta quarta na prefeitura de Canoinhas/Divulgação

Informação foi dada pelo prefeito Beto Passos (PSD) em coletiva na manhã desta quarta-feira

 

 

COLETIVA

Prefeito Beto Passos (PSD) informou em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira, 29, que um pedido de vistas por parte de uma das seis empresas que participam do processo licitatório para explorar o estacionamento rotativo em Canoinhas adiou para a próxima semana a abertura dos envelopes.


 

 

Se não houver nenhuma alteração, 30 dias após o anúncio da empresa vencedora, o rotativo, enfim, volta.

 

 

Passos explicou que a compra de tempo nos espaços reservados ao rotativo se dará por meio de aplicativo de celular. Fiscais terão tablets que usarão para consultar em um sistema privado se os motoristas que ocupam os espaços do rotativo de fato acionaram o aplicativo. Se o motorista não avisou o aplicativo, vai ser advertido e, na reincidência, multado.

 

 

Quem optar, poderá comprar cartões, como no sistema antigo.

 

 

 

 

“Não estamos brigando com a Universidade”

do prefeito Beto Passos (PSD) sobre a desapropriação da área em frente à rádio Clube para a implementação do Parque da Cidade. Houve resistência por parte da UnC, que disse pretender utilizar a área

 

 

 

ESTRADAS

Sobre a situação das estradas do interior, Passos afirmou na coletiva que uma licitação de conjunto de britagem será aberta. Manutenção efetiva mostrou que o britador da prefeitura está bastante danificado. “Abrimos ele para verificar e o preço para conserto foi bastante salgado. Liberamos duas cascalheiras, que estamos contratando agora”, afirmou. O britador passará por um conserto, mas há planos de comprar um novo.

 

 

“No passado não houve um tratamento como que fazemos nas estradas do interior. Temos problemas? Temos, mas avançamos bastante”, afirmou.

 

 

 

PRAÇA LAURO MULLER

Sobre a Praça Lauro Muller, que está em fase de reformas, Passos admitiu que haverá atraso por causa da demora em se liberar a supressão de árvores, que foi submetida ao Instituto do Meio Ambiente (IMA). “Tiramos as árvores doentes, e vamos repor”, explicou. Dentro do prazo de 45 dias, pedido pela empresa, a obra deverá ser concluída.

 

 

 

PAVIMENTAÇÕES

Sobre a contratação de R$ 19 milhões junto à Caixa Econômica para obras de pavimentação, Passos afirmou que a liberação vai acontecer. Ele afirmou que em 60 ou 90 dias deverá ser apresentado um pacote de obras que, segundo ele, “não houve em Canoinhas até o momento”. Passos pretende beneficiar todos os bairros da cidade com ao menos uma pavimentação.

 

 

 

COSIP

A Câmara de Canoinhas aprovou ontem em segunda votação a isenção para moradores da área rural da cidade de Cobrança para Custeio do Serviço de Iluminação Pública (Cosip). O projeto é de origem executiva e segue agora para sanção do prefeito Beto Passos (PSD).

 

 

 

 



UM PÉ NO PSL

Nos corredores da política local o que mais se comenta no momento é a iminente ida do vereador Cel Mario Erzinger (hoje no PR) para o PSL. Ele é o nome preferido do partido para disputar a prefeitura de Canoinhas em 2020.

 

 

 

CALERO ESTÁ CERTO

O ex-ministro da Cultura, hoje deputado Marcelo Calero (Cidadania-RJ) mandou um recado para a colega Carla Zabemli (PSL-SP) nas redes sociais: “Me desculpe, mas para mim ‘Lula Livre’ e ‘Bolsonaro Eu Te Amo/Mito’ são duas faces da mesma moeda. Uma moeda danosa para nossa democracia. Política não se idolatra. Se apoia – no máximo – e se cobra, sempre.”

 

 

 

 

FILME QUEIMADO

A imagem do Brasil lá fora está ruim. Pesquisa da Imagem Corporativa feita no primeiro trimestre com 1.822 reportagens da grande imprensa internacional de 11 países revela que 73% eram negativas. Apenas 27% eram positivas.

 

 

 

 

1,3%

cresceu a produtividade brasileira entre 1990 e 2018. No ranking internacional de competitividade o Brasil figura na 17ª posição

 

 

 

 

 

 

É A CRISE

O comércio varejista mais fechou do que abriu lojas no primeiro trimestre de 2019. Com 388 lojas fechadas, o setor de vestuário e calçados lidera o ranking. Na sequência, 196 farmácias e lojas de cosméticos foram fechadas, 192 lojas de móveis e eletrodomésticos, 167 papelarias e livrarias e 151 lojas de materiais de construção.

 

 

Na outra ponta, o setor de supermercados abriu 645 lojas no período em todo o Brasil.

 

 

R$ 23 bilhões

foi quanto os supermercados faturaram em 2018 em Santa Catarina

 

 

 

 

SAÚDE DOS OLHOS

Um consultório de optometrista da cidade de Pomerode teve alvará negado pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina na semana passada. O aumento de consultas oftalmológicas e prescrição de receitas por parte de profissionais não médicos, no caso, os optometristas, tem preocupado a classe em todo o Estado.

 

 

 

Segundo o presidente da Associação Catarinense de Oftalmologia (ACO), João Artur Etz Jr, mais de 60% dos casos de cegueira no país (que afetam 1,2 milhão de pessoas) poderiam ser evitados se diagnosticados e tratados com antecedência e de maneira adequada.

 

 

Deixe seu comentário: