quinta-feira, 20

de

janeiro

de

2022

ACESSE NO 

Município notifica empresa por abandono de obra em Canoinhas

Últimas Notícias

- Ads -

Prado e Prado iniciou obras de pavimentação da rua Feres João Sphair, mas não deu sequência

NOTIFICADA

O Município de Canoinhas notificou a empresa Prado e Prado por causa da paralisação sem motivo, segundo o Governo, da obra de pavimentação da rua Feres João Sphair, no bairro Jardim Esperança. A empresa tem até o final desta semana para retomar as obras sob pena de rescisão do contrato.

A Prado e Prado solicitou reequilíbrio financeiro por causa do aumento dos custos com matéria-prima. “No entanto, tal fato não autoriza e não é motivo para paralisarem os trabalhos”, explica o Município.

Contatada, a empresa confirmou que o reequilíbrio econômico foi solicitado porque o CAP, principal matéria-prima do asfalto, subiu mais de 100% no período das obras. “A prefeitura está analisando a situação”, afirma a Prado e Prado.

A Prado e Prado preparou a rua para receber massa asfáltica, porém, o trabalho parou por aí. Agora, com chuva e trânsito, uma série de buracos e valetas abriu na rua. Para complicar ainda mais a situação, um poste está quase no meio da rua. Para removê-lo é necessário que empresas de internet que usam cabeamento no poste, providenciem a retirada da rede.



NÃO SAI TÃO FÁCIL

A gestora da Fundação de Cultura de Canoinhas, Carolina Carvalho, esteve nesta terça-feira, 16, na Câmara de Canoinhas. Após longa pergunta do vereador Marcos Homer (Podemos) sobre o funcionamento da estação ferroviária de Marcílio Dias, recém-restaurada, a gestora se limitou a dizer que o edital sobre o restaurante, cuja primeira licitação restou deserta, está sendo relançado com adequações.

Nada respondeu, porém, sobre o projeto de paisagismo da estação, cobrado do Município que passou a ser responsável pela estação a partir do momento em que o Governo Federal concluiu a obra. Homer sugeriu fazer uma parceria com o Colégio Agrícola Vidal Ramos, mas sua sugestão foi solenemente ignorada pela gestora.




ROLO

Falando em Homer e Fundação de Cultura, nada mais se falou sobre a Feira do Rolo, cuja primeira edição deveria acontecer neste mês de novembro. Segundo o vereador Homer, uma reunião hoje deve definir a data da primeira feira.



DO CONTRA

Na Sessão Ordinária desta terça-feira, 16, na Assembleia Legislativa, o deputado Adrianinho (PT) apresentou moção de apelo à Câmara de Deputados e Senado Federal para que seja rejeitada a proposta de Reforma Administrativa que tramita no Congresso Nacional.


TERRAPLANISTAS

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa aprovou, nesta terça-feira, 16, projeto de lei do deputado Laércio Schuster (Podemos) que obriga a assinatura de termo de responsabilidade pela pessoa que se recusar a tomar vacina contra a covid-19 no dia indicado para sua faixa etária em razão da marca do imunizante. O documento deve indicar que a pessoa está ciente de que será submetida ao final da fila da campanha de vacinação no Estado.

Também foi aprovada a realização de audiência pública sobre a proibição do cartão de vacinação contra a covid-19 para acesso a locais públicos ou privados em Santa Catarina.



NOMENCLATURA

A Comissão de Constituição e Justiça aprovou, na reunião desta terça-feira, 16, a Proposta de Emenda Constitucional que prevê a alteração da nomenclatura do Instituto Geral de Perícias para Polícia Científica, conforme padronização nacional. A PEC é de autoria do Governo do Estado.