sábado, 25

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Matrículas e rematrículas acontecem a partir desta quarta-feira nas escolas municipais de Três Barras

Últimas Notícias

- Ads -

Confira a documentação necessária

 

 

 

A volta às aulas já tem datas definidas na rede municipal de ensino de Três Barras: 18 de fevereiro, uma quinta-feira, para os alunos do ensino fundamental (1° ao 9° anos) e 1° de março, uma segunda-feira, para os estudantes do pré-escolar.

 

 

 

Ainda não há previsão de abertura das creches para as crianças do berçário e maternal.

 

 

 

Antes, porém, os pais ou responsáveis terão que ir às unidades escolares para fazer a matrícula ou rematrícula dos estudantes. As inscrições devem ser efetivadas no período de 3 a 10 de fevereiro, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

 

 

 

No ato também devem assinar um termo informando se a criança vai preferir as aulas 100% presenciais; ou o sistema remoto, de ensino online ou, ainda, pela forma intercalada, com um período na escola e outro em casa. Esta última opção será ofertada apenas aos estudantes do 6° ao 9° anos.

 

 

 

Para as novas matrículas é necessário apresentar a seguinte documentação: fotocópias da certidão de nascimento, carteira de identidade e CPF do aluno; comprovante de residência; fotocópias da carteira de identidade e do CPF dos responsáveis pela criança; assinar declaração de autorização do uso de imagem do estudante; declaração de guarda emitida pelo Juizado da Infância e Juventude para as crianças que convivem com responsáveis; atestado médico informando no caso de o aluno possuir alguma deficiência ou doença; e também apresentar a carteira de vacinação.

 

 

 

ESCOLAS

A secretária de Educação, Cultura e Esporte, Edith de Souza, informa que as escolas estão sendo adequadas para receber os estudantes, diante dessa nova realidade imposta pela pandemia.

 

 

 

“Temos unidades escolares amplas e espaçosas, capazes de receber 100% dos estudantes de forma presencial, mesmo com desdobramento das turmas em grupos menores”, afirmou a secretária.

 

 

 

A escola municipal Guita Federmann, que passa por reformas e ampliação, terá parte das crianças estudando na própria unidade, e outra na escola estadual General Osório.

 

 

 

Escolas recém-reformadas e ampliadas, como a João Pedro de Oliveira, que fica na localidade da Campininha, possuem espaço suficiente para receber todas as turmas desdobradas, assim como a João Pacheco de Miranda Lima (Caic), no distrito de São Cristóvão.

 

 

 

SALAS DE AULA

As unidades escolares estão seguindo à risca as regras sanitárias e de saúde especificadas no Plano de Contingência Municipal para a volta do ano letivo.

 

 

 

 

Para manter o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre os presentes, as salas de aula terão turmas com número máximo de estudantes.

 

 

 

 

CALENDÁRIO

O ano letivo segue de 18 de fevereiro até 17 de dezembro. Haverá uma semana de recesso para os alunos no final do mês de julho. No caso dos professores, o retorno às atividades acontece nesta quarta-feira, 03, para a realização do planejamento docente junto com a direção das unidades escolares.