Internacional vence, e segue firme na liderança do Brasileiro


Ricardo Duarte/Internacional

Palmeiras e Grêmio também triunfaram nesta quinta

 

Pela nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, Internacional, Palmeiras e Grêmio venceram nesta noite de quarta-feira, 10. Com os resultados, o Colorado segue na ponta da tabela com 20 pontos e o Verdão passa a rondar o G4 com 16. Já a equipe do técnico Renato Portaluppi chega à segunda vitória no torneio, a primeira fora de Porto Alegre.

 

 

No Beira-Rio, o Ceará começou assustando os donos da casa, mas quem inaugurou o placar, aos 43, foi Thiago Galhardo, após cruzamento pela direita de Edenílson. Na segunda etapa, Galhardo voltaria a marcar novamente, com direito a drible no goleiro Fernando Prass. Foi o oitavo gol do camisa 17 do Inter, que lidera a artilharia do campeonato.

 

 

 

CORINTHIANS X PALMEIRAS

Em Itaquera, o Corinthians levou a pior no clássico contra o Palmeiras. No final do primeiro tempo, Fágner colocou a mão na bola. O lateral levou cartão vermelho e o Verdão pênalti a seu favor. Na cobrança, Luiz Adriano abriu o placar. Aos 19 do segundo tempo, Gabriel Veron ampliou para a equipe de Vanderlei Luxemburgo após receber livre dentro da área.

 

 

GRÊMIO X BAHIA

Já o Grêmio foi até Salvador, em Pituaçu, e superou o Bahia por 2 a 0. Os gaúchos não venciam desde a estreia contra o Fluminense, em Porto Alegre. Alisson e Darlan marcaram os gols do triunfo do Imortal. No próximo domingo, 13, o Tricolor gaúcho encara o Fortaleza na sua arena.

 

 

ATHLÉTICO – GO  X VASCO

O Atlético-GO superou o Vasco por 2 a 1, de virada no estádio de São Januário, na partida que encerrou a nona rodada do Campeonato Brasileiro.

 

 

 

 

Mesmo jogando fora de casa, o time goiano não se acovardou, e enfrentou o Vasco de igual para igual. O Atlético-GO chegou algumas vezes com perigo na etapa inicial, em especial com Janderson. Já a equipe carioca teve a melhor oportunidade do primeiro tempo com o argentino Cano.

 

 

E foi justamente ele, o artilheiro vascaíno, que abriu o marcador, mas já aos 16 do segundo tempo. Após boa jogada, Talles Magno finaliza de longe, a bola fica viva na área e Cano aproveita para guardar.

 

 

Porém, nem deu para comemorar direito, pois um minuto depois Renato Kayzer deixa tudo igual após receber de Nicolas.

 

 

E o Atlético alcançou a vitória graças ao faro de gol de Kayzer, que voltou a marcar, mas agora aos 28 minutos de cabeça. 2 a 1 para os visitantes.

 

 

A torcida vascaína ainda chegou a comemorar o que parecia ser o gol do empate, aos 44 do segundo tempo com o argentino Cano. Mas o juiz, com o auxílio do VAR (árbitro de vídeo), vê toque de mão do centroavante na jogada e anula o gol.

 

 

A partir daí os visitantes administraram a vantagem até o minuto final, no qual puderam comemorar esta importante vitória.

 

 

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.

 





Deixe seu comentário: