Deputados comemoram anúncio de recuperação das SCs-477 e 135

Buraco na SC 477/Arquivo

Anúncio foi feito na segunda-feira, 26, pelo governador Carlos Moisés da Silva

 

 

SC-477  E CIDASC

Deputados do PSL, PL, PSDB e PDT comemoraram na sessão de terça-feira, 27, da Assembleia Legislativa que as regionais da Cidasc de Caçador e Joinville, entre outras, permanecerão abertas e que a SC-477, no Planalto Norte, será recuperada.


 

 

 

“O governador já mandou voltar atrás, viu que não podiam fechar estes postos da Cidasc. Se tem dificuldade, vamos estudar e encontrar uma solução, mas temos que fortalecer a produção e o produtor e manter a sanidade animal, não podemos perder isso”, informou Maurício Eskudlark (PL), líder do governo.

 

 

 

“Penso que a revogação coloca as coisas no seu devido lugar, antes de tomar uma decisão dessas tem de chegar no governador do estado”, sugeriu Valdir Cobalchini (MDB).

 

 

 

 

“Estive na Câmara de Vereadores de Joinville e entrei em contato com o presidente da Cidasc, que apresentou vários argumentos técnicos pelo fechamento, mas vamos defender o interesse da nossa região”, alertou Fernando Krelling (MDB).

 

 

 

 

“A Cidasc de Joinville atende 13 municípios e 8 mil propriedades rurais”, destacou Sargento Lima (PSL).

 

 

 

 

Por outro lado, os deputados Maurício Eskudlark, Valdir Cobalchini, Paulinha (PDT) e Doutor Vicente Caropreso (PSDB) relataram que o Executivo vai recuperar a SC-477, que liga Canoinhas à BR-116.

 

 

 

 

“O governador autorizou a recuperação, não ficando apenas na promessa”, comemorou Cobalchini.

 

 

 

“Na reunião de ontem foram muitas conquistas, principalmente da SC-477”, concordou Caropreso.

 

 

 

 

“Ele assinou a Ordem de Serviço para recuperar a SC-477, já a SC-135, que liga Porto União à Caçador, deve ser executada com a liberação de recursos do BNDES e a SC-114, de Itaiópolis, não teve sinal positivo, mas teve um afago de que amanhã poderá ser realizada”, relatou Paulinha.

 

 

 

 

“O prefeito Elizeu Mibach (de Porto União) sugeriu que o consórcio recupere três trechos mais críticos da SC-135, trechos em que não existe mais asfalto”, indicou Eskudlark, referindo-se ao consórcio criado entre os municípios da região e o governo do estado para recuperar rodovias estaduais.

 

 

 

 

 

CIDADÃO HONORÁRIA

A Câmara de Vereadores de Canoinhas vai homenagear a diretora do Instituto Federal de Santa Catarina, campus Canoinhas, Maria Bertilia Oss Giacomelli. O título de cidadã honorária deve ser entregue no final do ano.

 

 

 

 

ESCOLA

Ainda sobre a mudança de nome da escola da Barra Mansa, o presidente da Câmara de Vereadores de Canoinhas, Célio Galeski, informa que o novo prédio da escola foi construído em outro local e não no terreno cedido pela família Dranka. Galeski frisa que o pedido pelo retorno ao nome original é da comunidade. A inauguração acontece dia 20 de setembro.

 

 

 

 

 



 

REQUERIMENTO

Vereadores de Canoinhas mandaram ofício ao presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Romildo Titon, ao presidente da Comissão de Finanças e Tributação Marcos Vieira e ao presidente da Comissão de Saúde, Neodi Saretta, solicitando apoio ao Projeto de Lei nº 0284.5/2019, que dispõe sobre a celebração de convênios entre os Hospitais Filantrópicos e o Governo do Estado de Santa Catarina. 

 

 

 

O projeto propõe que os hospitais filantrópicos não sejam obrigados  a apresentar a Certidão Negativa de Débitos Federais (CND) para receber recursos dos convênios firmados com o Governo catarinense.

 

 

 

 

É a falta dessa negativa que impede o Hospital Santa Cruz de receber recursos estaduais.

 

 

 

 

TOLERÂNCIA

Deputado Sargento Lima noticiou na tribuna projeto de sua autoria que obriga estacionamento gratuito durante uma hora nos estacionamentos de hospitais ao paciente que comprovar atendimento na emergência.

 

 

 

 

“Primeiro os agricultores, agora os donos de estabelecimentos comerciais, pergunto, quem vai ser a próxima vítima?”

do deputado estadual João Amin (PP) sobre declarações do secretário de Administração, Paulo Eli

 

 

 

 

SEGURANÇA

Os vereadores de Três Barras aprovaram na semana passada, dois projetos de lei que beneficiam a segurança pública. Serão destinados equipamentos para a Polícia Militar Ambiental e recursos para Escolinha de Futebol da instituição. Os pareceres tiveram votos favoráveis de todos os vereadores e os textos seguem para sanção do prefeito Luiz Shimoguiri.

 

 

 

 

 

 

GESTAÇÃO MÚLTIPLA

Por unanimidade de votos, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Alesc apresentou, na manhã desta terça-feira, 27, parecer favorável ao Projeto de Lei (PL) 132/2019, que altera a concessão de pensões pagas pelo Estado para casos de gestação múltipla de três ou mais crianças.

 

 

 

A proposta, de autoria da deputada Paulinha (PDT), altera de 12 anos para 14 anos o limite de idade das crianças com direito ao benefício. A iniciativa, conforme ela, visa permitir que a família continue a receber os recursos até que os beneficiários atinjam a idade mínima necessária para que possam participar de programas de estágio como o Jovem Aprendiz, contribuindo assim para o sustento da família.

 

 

 

 

 

NONSENSE

A revista Veja do fim de semana traz reportagem que mostra que um espião da Agência Brasileira de Inteligência (ABI) foi condenado por abusar sexualmente de crianças. A ABI, que o contratou apesar da acusação, afastou o espião depois da condenação. Ele recorreu na Justiça e ganhou o direito de ser reintegrado ao cargo. Agora, cedo e tarde ele espiona para o Governo brasileiro e à noite dorme na cadeia.

 

 

 

 

 

 

 

UBER DE CAMINHÕES

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) articula com caminhoneiros a criação de uma espécie de Uber do transporte de cargas. A ideia é reunir os caminhoneiros em cooperativas que, a partir de um aplicativo, negociarão o frete direto com as empresas.

 

 

 

 

 

 

 

52%

de toda a despesa pública com cultura são bancados pelos Municípios brasileiros

 




Deixe seu comentário: