quinta-feira, 23

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Com UTIs lotadas, secretários de Saúde defendem lockdown e aumento no número de mortes por covid em destaque nesta terça

Últimas Notícias

- Ads -

2 de março de 2021

 

 

Folha de S.Paulo

Secretários de Saúde pedem toque de recolher nacional

Secretários estaduais de Saúde divulgaram uma carta nesta segunda-feira (1) em que afirmam que o Brasil vive o “pior momento da crise sanitária” provocada pela Covid e pedem maior rigor em medidas para evitar um colapso em todo o país.

Entre as ações recomendadas, está a adoção de um toque de recolher nacional das 20h às 6h, suspensão das aulas presenciais e lockdown nas regiões “com ocupação de leitos acima de 85% e tendência de elevação de casos e mortes”.

O documento é assinado pelo Conass, conselho que reúne os 27 gestores da área. No texto, endereçado à “população brasileira”, o grupo cita a ausência de coordenação nacional como um dos fatores para a queda na adesão a medidas de isolamento e pede que haja um “pacto pela vida”.

Em uma espécie de alerta, o grupo diz que o agravamento da epidemia em diversos estados “leva ao colapso de suas redes assistenciais públicas e privadas e ao risco iminente de se propagar a todas as regiões do Brasil”.

“Infelizmente, a baixa cobertura vacinal e a lentidão na oferta de vacinas ainda não permitem que esse quadro possa ser revertido em curto prazo”, apontam os gestores, que citam então uma lista de medidas para tentar evitar o colapso na rede de saúde.

 

 

 

 

 

 

  • Doria fala em semanas dura e não descarta lockdown
  • Internação em UTI em SP supera pior semana de 2020
  • Plano de Pazuello mostra 80 milhões de doses até abril
  • Mais estados aumentam restrições para tentar conter coronavírus
  • Professores paulistas se queixam de estrutura e de contaminações
  • Flávio Bolsonaro compra mansão por R$ 6 milhões
  • Ex-presidente da França Nicolas Sarkozy é condenado à prisão
  • Inquérito das fake news avança, mas TSE não tem pressa
  • Para compensar diesel, governo quer taxar bancos
  • Líder, Dinamarca se prepara para decuplicar ritmo de imunização

 

 

 

 

 

 

 

O Estado de S.Paulo

Com UTIs lotadas, secretários de Saúde defendem lockdown

Pelo menos 18 dos 26 Estados estão com mais de 80% dos leitos de UTI destinados ao tratamento da covid-19 ocupados, segundo o Observatório Fiocruz Covid-19. Com a iminência de um colapso do sistema de saúde do País, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) quer a adoção imediata de lockdown em regiões com mais de 85% das vagas de UTI ocupadas e um toque de recolher nacional, que iria das 20 às 6 horas em todo o território nacional, incluindo fins de semana. Os gestores pedem ainda a suspensão das aulas presenciais, o veto a shows, cerimônias religiosas e eventos esportivos, entre outras medidas. Em resposta ao presidente Jair Bolsonaro, que divulgou em redes sociais que a União repassou bilhões de reais aos Estados para reduzir os efeitos da pandemia, 18 governadores emitiram nota em que dizem que o governo federal produz “informação distorcida” e parece “priorizar a criação de confrontos”.

 

 

 

 

  • Congresso quer mais R$ 18 bilhões para emendas
  • Governo vai aumentar taxa de bancos para isentar diesel
  • Rodrigo Pacheco – ‘CPI da Saúde não teria como funcionar’
  • Média de mortes bate recorde pelo 3º dia seguido
  • Cepa de Manaus tem maior carga viral, dizem estudos
  • Variante brasileira vira dor de cabeça para britânicos

 

 

 

 

 

 

 

O Globo

Mortes pela Covid sobem 71% no 1º bimestre de 2021

 

 

 

 

 

 

  • Governo mira nova redução de jornada e salário
  • Secretários de Saúde pedem toque de recolher
  • Por auxílio, Planalto deve liberar R$ 10 bi a estados e municípios
  • Empresários pressionam por reforma tributária simplificada
  • Petrobras reajusta preço da gasolina pela 5ª vez no ano
  • Lira vai ao TSE para discutir mudanças na lei eleitoral
  • Flávio compra mansão no DF de R$ 6 milhões
  • Tornozeleira salva Sarkozy de ser preso