Com falta de energia, dois detentos fogem da prisão em Canoinhas


Gracindo e Henrique seguem foragidos/Divulgação

Segundo direção da UPA, ambos estavam prestes a conseguir liberdade

 

 

 

 

Os internos da Unidade Prisional Avançada (UPA) de Canoinhas, Gracindo Farias Neto e Luciano Henrique Hauss aproveitaram a queda de energia elétrica durante o temporal de terça-feira, 30, para fugir. Os dois cumpriam pena em regime semiaberto.

 

 

 

Segundo o diretor da UPA Canoinhas, Alexander Marcelo Costa, eles fugiram do alojamento da UPA durante a noite, pulando uma janela. O alojamento é uma área externa às celas, de menor segurança. Ainda de acordo com o diretor, ambos estavam a pouco tempo de progredirem de regime, com a possibilidade de cumprirem as penas em liberdade.

 

 

 

 

Ambos seguem foragidos. Se recapturados, explica Costa, passarão por audiência de justificativa e regridem, possivelmente, ao regime fechado. Caso tenham remissão por trabalho ou estudo eles perdem até um terço da remissão.





Deixe seu comentário: