Certificação de viaturas blindadas de combate é realizado em Três Barras


Fotos: Sargento Murilo, soldado Giovanne e soldado Meira

Oito obuseiros foram deslocados para o CIMH de Três Barras, para o tiro técnico e o teste de rodagem

 

 

 

A Viatura Blindada de Combate Obuseiro Autopropulsado (VBC OAP) M109 A5, conhecida mundialmente por ampliar o poder de fogo da artilharia, foi manutenida, testada e certificada em ação conjunta entre a Artilharia Divisionária da 5.ª Divisão de Exército (AD/5), o 15.º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado (15º GAC AP) e o Parque Regional de Manutenção da 5.ª Região Militar (Pq R Mnt/5).

 

 

O Pq R Mnt/5 realizou a manutenção de terceiro escalão nessas viaturas blindadas pertencentes ao Exército Brasileiro. No total, 36 unidades já foram distribuídas em todo o território nacional, ampliando o alcance e o poder de fogo da artilharia de campanha.

 

 

Após concluídos os trabalhos de manutenção e inspeção dos armamentos, oito obuseiros foram deslocados pelo 5.º Batalhão Logístico (5º B Log) para o Campo de Instrução Marechal Hermes (CIMH) de Três Barras, para o tiro técnico e o teste de rodagem. A atividade está sendo realizada desde o dia 30 de novembro até esta terça-feira, 22 de dezembro.

 

 

As guarnições das peças foram compostas por militares do 15.º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado e cada obuseiro realizou quatro tiros. Após cada disparo, a equipe de mecânicos inspecionou o armamento, a fim de certificar que o obuseiro estava com seu funcionamento regular. Em outro momento, as viaturas militares foram submetidas ao teste de rodagem, percorrendo 34 quilômetros cada uma.

 

 

A VBC OAP M109 A5 possui quase 28 toneladas e velocidade máxima em estrada de 55 quilômetros por hora. Robusta, com capacidade de manobra e facilidade de manutenção, é um sucesso de utilização em mais de 30 países e é um dos principais obuseiros autopropulsados dos exércitos ocidentais.

 

 

As viaturas chegaram ao País por doação dos Estados Unidos, por intermédio do Programa Foreign Military Sales (FMS), tendo sido totalmente revitalizadas no Pq R Mnt/5.

Fonte: Ministério da Defesa/Exército Brasileiro/5.ª RM





Deixe seu comentário: