Cartão alimentação vai substituir cesta básica em Canoinhas


Arquivo/Marcelo Camargo/Agência Brasil

Com o cartão, beneficiados poderão ir ao supermercado escolher os produtos de preferência

 

Garantir autonomia às famílias, valorização do comércio local e ampliação da quantidade de canoinhenses beneficiados com alimentos. Estes são os objetivos do novo projeto da Secretaria de Assistência Social do Governo de Canoinhas.

 

 

 

Ao invés de receberem as tradicionais cestas básicas, as famílias canoinhenses vão receber o “cartão alimentação”. “Vamos dar o poder de escolha para cada canoinhense. As necessidades mudam de família para família. Uma casa com filhos consome alimentos diferentes de outra onde há apenas aposentados, por exemplo”, explica o prefeito Beto Passos.

 

 

 

As famílias cadastradas na Secretaria de Assistência Social vão receber o cartão e poderão ir diretamente ao supermercado escolher os produtos de preferência dentro de uma lista de itens pré-determinados. “Além disso, esta ação também vai beneficiar os comerciantes locais que serão previamente cadastrados”, informa o prefeito.

 

 

 

A alteração na forma de entrega dos alimentos está em andamento. A previsão é que até maio seja lançado edital para contratação de uma empresa responsável por gerenciar os cartões que serão distribuídos.

 

 

 

 

“A proposta é garantir direitos às pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade social com autonomia e respeito”, assegura a secretária de Assistência Social, Zenici Dreher.

 

 

 

 

De janeiro a 14 de abril foram entregues 1826 cestas básicas: “em razão do agravamento da pandemia que culminou com aumento das medidas restritivas, os pedidos por alimento aumentaram e nós ampliamos a distribuição conforme a necessidade”, comenta Zenici.

 

 

 

Idosos, pessoas com deficiência e com dificuldades de locomoção não precisarão mais carregar uma cesta básica prontinha e pesada, e sim, poderão escolher seus alimentos nos supermercados credenciados e mais próximo de sua residência.

 

 

 

A proposta foi construída em parceria entre técnicos das secretarias de Assistência Social e da Administração.

 

 

 

O pregão que vai definir pela contratação de empresa especializada para prestação de serviço de administração, gerenciamento, emissão e fornecimento do cartão alimentação está publicado aqui propostas serão recebidas até o dia 5 de maio.





Deixe seu comentário: