quinta-feira, 21

de

outubro

de

2021

ACESSE NO 

Canoinhas receberá nova leva com 920 vacinas contra a covid-19

Últimas Notícias

- Ads -

Regional de Mafra soma mais 6.625 doses

O Governo do Estado irá remanejar 125 mil doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz, que estavam armazenadas na Rede de Frio Estadual, com o propósito de acelerar o ritmo da vacinação em Santa Catarina, enquanto o Ministério da Saúde não efetua a entrega de novas doses da vacina contra a Covid-19.

Canoinhas vai receber mais 920 doses da vacina nesta quinta-feira, 15. A regional de Mafra, de modo geral, receberá 6.625 doses.

“Essas vacinas estavam reservadas para aplicação da segunda dose, mas, como o Ministério da Saúde já confirmou que deve enviar ao Estado, nos próximos dias, uma nova remessa com esse mesmo quantitativo, optamos por antecipar a distribuição com as vacinas que estavam armazenadas, tendo em vista que muitos municípios já estão com os estoques zerados para a aplicação da primeira dose”, explicou o superintende de vigilância em saúde, Eduardo Macário.

Desta forma, quando a remessa com 125 mil doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz, já confirmada pelo Ministério da Saúde, chegar ao Estado, ela será reservada à aplicação da segunda dose (D2).

O diretor da Dive, João Augusto Brancher Fuck, ressalta que essa iniciativa vai agilizar a vacinação no Estado, uma vez que, apesar da confirmação do Ministério de que Santa Catarina vai receber novas doses, ainda não há prazo definido para que elas cheguem. “Considerando que ainda não há um prazo, o estado tomou essa decisão, pensando em manter o ritmo de vacinação acelerado em todo o Estado, sendo que não haverá prejuízo para a população, já que essas doses serão repostas”, esclareceu.

A distribuição das 125 mil doses para as 17 centrais regionais terá início já nesta quinta, 15, pela manhã, e vai contemplar todos os 295 municípios catarinenses de forma proporcional. Os municípios devem destinar 30% das doses para a vacinação dos trabalhadores industriais e 70% para a vacinação da população em geral, de 35 a 39 anos, de forma decrescente.

Em Canoinhas deve ser retomada a vacinação por faixa etária para pessoas com menos de 38 anos.

“As doses serão distribuídas para todos os municípios de forma proporcional, para que seja dada continuidade a vacinação da população em geral de 35 a 39 anos, de forma decrescente, iniciando pelas de maior para a menor idade, e para a continuidade da imunização dos trabalhadores industriais”, diz a nota técnica da Dive-SC. Para isso, foi considerada como base de cálculo a população residente total de 18 a 59 anos de cada município, utilizando como fonte o estudo de estimativas populacionais do Ministério da Saúde Datasus para o ano de 2020.