domingo, 19

de

setembro

de

2021

ACESSE NO 

Aumento do preço dos combustíveis, valorização de ações e auxílio fora do teto em destaque nos jornais desta terça-feira

Últimas Notícias

- Ads -

9 de fevereiro de 2021

 

 

Folha de S.Paulo

Valorização de ações se torna desafio ao investidor

No final de janeiro, a AMC Theatres, maior cadeia global de cinemas, emitiu 44,4 milhões de ações e levantou US$ 600 milhões no mercado. Radicalmente afetada pela pandemia, seus papéis valem hoje mais do que há um ano, quando os cinemas estavam cheios.

No fim de 2020, a Carnival Cruise, líder em cruzeiros, captou US$ 4,5 bilhões em novas ações e títulos num ambiente de receitas próximas de zero. Em maio, a Hertz, vice-líder em aluguel de veículos, entrou em recuperação judicial e suas ações saltaram 900%.

A Apple demorou anos para atingir US$ 1 trilhão em valor de mercado, em 2018. Mas terminou o difícil 2020 valendo US$ 750 bilhões a mais. Tudo somado, o valor das ações de empresas negociadas globalmente nas Bolsas supera agora US$ 100 trilhões, um recorde histórico.

Há uma pergunta de bilhões de dólares no ar: estariam os preços de ações e títulos “desafiando a gravidade”, posicionando as Bolsas globais na antessala do estouro de uma “bolha”?

 

 

 

 

 

 

  • Gasolina sofre reajuste, mas mercado ouve Bolsonaro
  • Governo quer que patrão dê curso a quem tiver auxílio
  • STF vê entrave para extinguir decisões monocráticas
  • Escolas continuam fechadas por falta de autorização
  • Em 24 dias, 37 transferidos do AM já morreram
  • Interior paulista terá 1º estudo com vacina em massa
  • No início, Biden não deve impor sanções ao Brasil
  • Amigo exonerado do presidente está no Planalto

 

 

 

 

 

 

 

O Estado de S.Paulo

Congresso quer auxílio fora do teto e sem corte de gastos

Os presidentes da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-al), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), falaram ontem num plano para viabilizar uma nova rodada de pagamentos do auxílio emergencial sem desrespeitar a lei do teto de gastos e sem cortar outras despesas. Lira acenou com a possibilidade de o Congresso abrir o que chamou de “excepcionalização temporária” do Orçamento. Pacheco afirmou que, pelo caráter de urgência, não é possível condicionar a concessão do auxílio à entrada em vigor de medidas de ajuste fiscal, como quer o ministro da Economia, Paulo Guedes. Na prática, as falas sinalizam que governo e Congresso negociam uma forma de incluir essas despesas no que os economistas chamam de “extrateto de gastos” – fora do limite do teto. As discussões avançaram depois que Guedes aceitou o pagamento de cerca de R$ 200 por três meses. Jair Bolsonaro afirmou que a discussão da volta do benefício é para “ontem”, mas vai trazer “problema” para a economia.

 

 

 

 

 

 

  • PSDB tenta filiar Maia e virar frente de oposição
  • Para MPT, recusa de vacina pode justificar demissão
  • SP diz que Saúde cortou verba para leitos de covid
  • Cientistas alertam para 3ª onda de covid em Manaus
  • Impeachment de Trump vai ao Senado dos EUA

 

 

 

 

 

 

O Globo

Petrobras reajusta de novo preços de combustíveis, com pressão do mercado

A Petrobras anunciou reajuste nos preços dos combustíveis a partir desta terça. O preço médio da gasolina para as distribuidoras passará de R$ 2,08 para R$ 2,25.

É uma alta de 8,1% e o terceiro aumento neste ano, acumulando variação de 22%. No caso do diesel, o valor subiu de R$ 2,11 para R$ 2,24 – um avanço de 6,1% e o segundo em 2021, somando reajuste 10,8%. A alta vale a partir da zero hora desta terça-feira.

 

 

 

 

 

 

  • Guerra no DEM faz PSDB abrir portas a Maia
  • Bolsonaro diz que ‘acha’ que vai ter auxílio
  • Variante não deve suspender a imunização
  • Após vacinação, casos têm queda brusca em Israel
  • Aulas voltam com dúvidas e expectativa