Adolescente é agredido com canivete no Jardim Esperança, em Canoinhas


Arquivo

Caso aconteceu ao meio-dia desta segunda na rua Henrique Sorg

 

 

Por volta do meio-dia desta segunda-feira, 29, o Corpo de Bombeiros de Canoinhas foi chamado na rua Henrique Sorg, no bairro Jardim Esperança para atender uma vítima de suspeita de agressão com uso de arma branca.

 

 

Quando os socorristas chegaram no local, encontraram o menor sendo amparado por populares, consciente, orientado e estável. Contudo, a vítima apresentava um ferimento perfurante na região frontal da cabeça, ocorrido após sofrer uma agressão com uso de um canivete.

 

 

 

A vítima relatou aos bombeiros que retornava do colégio para sua casa no término de suas aulas e foi agredido.

 

 

 

Após realizarem todos os procedimentos de atendimento pré-hospitalar, os bombeiros deixaram a cena aos cuidados da Polícia Militar e conduziram o menor até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Canoinhas para atendimento médico.

 

 

 

Segundo a Polícia Militar, policiais militares faziam rondas pela rua Feres João Isphair, quando foram abordados pela vítima pedindo ajuda, já com a cabeça sangrando. Ele relatou aos policiais que saiu de sua escola e estava indo até a casa de seu tio. Quando caminhava pela rua Feres João Isphair, outro adolescente de outro colégio, que também estava andando pela mesma rua, pegou um canivete e lhe deu um golpe na cabeça. A vítima afirmou conhecer somente de vista o outro garoto e que neste dia tinha apenas olhado para ele.

 

 

 

Os policiais localizaram o outro garoto que mostrou o local onde jogou o canivete. Ele relatou aos militares ter dado o golpe na vítima porque ele estaria rindo dele. O adolescente agressor é portador de deficiência física e, de acordo com o relato de sua mãe, ele faz tratamento psicológico.

 

 

 

Um boletim de ocorrência foi registrado e o adolescente, autor da agressão, foi encaminhado à Delegacia de Polícia, juntamente com sua mãe.

 

 

 

A mãe da vítima acompanhou o adolescente até a Unidade de Pronto Atendimento. A lesão a princípio foi leve e a menino deverá receber alta ainda nesta segunda. Porém, os policiais não obtiveram mais informações sobre a lesão, devido ao médico estar atendendo outros pacientes na Ala Covid.





Deixe seu comentário: