“Não tem como o consumidor pagar por ar”, diz na Câmara representante da Casan

Funcionários da Casan acompanharam Costa/Biluka/Divulgação

Assistente administrativo anunciou investimentos pretendidos pela empresa

CASAN

O chefe do escritório da Casan de Canoinhas, Cleber Pereira da Costa, esteve na Câmara de Canoinhas nesta terça-feira, 18, para prestar esclarecimentos a pedido dos vereadores. Começou falando que foi consertada a cerca do reservatório de água da Casan no Residencial Nossa Senhora Aparecida, um pedido dos vereadores. Houve furto do portão, no entanto, e foi retirada a tela que cerca o reservatório.

 

 

Na sequência explicou como se dá a cobrança pelo fornecimento de água e esgoto para a população. Ele afirmou que não tem como o consumidor pagar por ar, com vem sendo aventado por quem afirma que o relógio de suas casas continua a correr mesmo com as torneiras desligadas. “Pode acontecer (ar no cano), pode, mas estudos feitos desde a década de 1990 para cá indicam que não”, disse Costa.

 

 

 

Ele citou um equipamento chamado de ventosa, que melhora a vazão e evita rompimentos. “Temos algumas instaladas na nossa rede, mas é muito pouco perto do que precisa. Temos consciência que precisamos avançar nisso”, afirmou, lembrando que a Casan já sinalizou com a compra de mais ventosas para breve.

 

 

Costa contou que há mais de 1000 serviços programados para troca de hidrômetros em Canoinhas. Com o tempo eles se desgastam e normalmente passam a não marcar corretamente, geralmente a menos. “É dinheiro que está indo fora. Falo isso porque os senhores vão receber reclamações de pessoas que vão dizer que passaram a pagar mais depois que a Casan trocou o hidrômetro”, disse.

 

 

 

Costa afirmou que a Casan “foi usada por muito tempo para atender os interesses de um grupo muito pequeno de pessoas”, mas não especificou que grupo seria. Citou a pretensão de construir uma Estação de Tratamento de Água (ETA) compacta para auxiliar a atual para aumentar a capacidade e qualidade da produção. Documentação deve ser enviada ao setor de engenharia da Casan em breve.

 

 

 

Segundo Costa, há um grande déficit de reservatórios em Canoinhas. Ele disse que o reservatório do Alto das Palmeiras trabalha no limite. “Vamos construir um segundo reservatório do lado”, anunciou. Anunciou também um segundo reservatório ao lado do que fica em Marcílio Dias. “Além disso, uma adutora nova que leve água direto da ETA até lá”, disse.

 

 

 

 

“Recebi a informação de que tinha um portão andando pelo loteamento”

do presidente da Câmara Célio Galeski (PL), comentando a fala do representante da Casan

 

 

SANGUE

Vereador tresbarrense João Canani fez um desabafo contra promessas político eleitoreiras que se repetiram e nada concretizaram em relação a reabertura do Banco de Sangue do Hemosc de Canoinhas. O desabafo aconteceu na sessão de segunda-feira, 17.

 

 

 

 

CHICO MINEIRO

Nota explicativa sobre denúncia envolvendo o nome de Chico Mineiro (PL) foi lida pela vereadora Telma Bley (MDB) na sessão desta terça-feira, 18, da Câmara. Em resumo, a nota diz que os fatos não se deram como divulgados. “Minha defesa não teve acesso integral às imagens feitas no Lojão da Oferta, conforme o que foi relatado pelo proprietário. Estamos levantando a salvaguarda para esclarecimento dos fatos”, diz a nota. Chico chamou o episódio de vexatório, mas lembrou que o sistema permite processo legal com acesso à Justiça. “Neste momento não há como se pronunciar sobre os fatos. Ao final do processo restará provada minha inocência”, afirmou, lembrando que até agora foi divulgada apenas a versão da suposta vítima.

 

 

“Estou seguro de que em breve tudo será esclarecido”, encerra a nota com Chico se colocando a disposição dos colegas da Câmara para os esclarecimentos cabíveis.

 

 

 

SANCIONADO

Prefeito Beto Passos (PSD) sancionou nesta terça-feira, 18, a lei que permite o pagamento de aluguel social às famílias despejadas da antiga vila da Esquadria São José.

 

 

 

LOUREIRO

O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (sem partido, ex-filiado ao MDB), afastado das funções de chefe do Executivo municipal por determinação da Justiça Federal, falou em entrevista ao Bom Dia Santa Catarina nesta quarta-feira, 19, sobre o mandado de prisão temporária de que foi alvo na terça-feira, 18.

 

Ele ficou menos de 24 horas preso e foi liberado depois de prestar depoimento. Na entrevista, ele negou fazer parte de um grupo criminoso que violava o sigilo de operações policiais em Santa Catarina investigados na Operação Chabu. “Injusta porque eu não sabia de nenhum dos fatos relacionados a operação”, disse.

 

 

 

Por enquanto, quem assume o cargo interinamente é o vice-prefeito João Batista Nunes (PSDB). Segundo o prefeito, a defesa irá até o Tribunal Regional da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre (RS), nesta quarta-feira para tentar reverter a decisão judicial sobre o afastamento da prefeitura.

 

 

 

BRASIL MENOS POPULOSO

Quinto país mais populoso do mundo desde o fim da Segunda Guerra, o Brasil foi ultrapassado pelo Paquistão em 2017 e agora ocupa a sexta posição no ranking, com 211 milhões de habitantes, mostra um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) lançado nesta segunda-feira, 17.

 

 

Até 2100, o país deve ser ultrapassado por Nigéria, Etiópia, República Democrática do Congo, Tanzânia, Egito e Angola, ficando em 12º lugar.​

 

 

O relatório, chamado World Population Prospects (prospecções da população mundial), é lançado a cada dois anos pela divisão de população da ONU e traz análises para 235 países e áreas, baseadas em informações de censos nacionais, pesquisas por amostragem e tendências históricas.

 




Deixe seu comentário: