Tatiane e Godoy foram mais votados no centro, Gil no interior e Zenilda no Campo


Veja o mapeamento dos votos por localidade alcançados pelos dez vereadores eleitos em Canoinhas

 

 

Dos dez candidatos eleitos para figurar entre os integrantes da gestão 2021-2024 da Câmara de Vereadores de Canoinhas, Tatiane Carvalho (MDB) foi a mais votada no centro de Canoinhas, mas foi Gil Baiano (PL), o mais votado entre os dez eleitos, o que conseguiu pulverizar votos em mais locais de votação. É o que mostra levantamento feito pelo JMais em todos os locais de votação da cidade a partir dos dados fornecidos pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SC).

 

 

Baiano alcançou seus 1.229 votos liderando a votação na Anta Gorda, Boa Vista, Encruzilhada, Fartura de Baixo, Fartura do Meio, Erval Bonito, Industrial 1, Marcílio Dias, Paciência dos Neves, Paula Pereira, Rio do Pinho, Santa Leocádia, Sereia e Taunay.

 

 

 

Tati liderou no centro e no Parado. Willian Godoy (PSD), curiosamente, apesar de ser o terceiro mais votado, não liderou em nenhum colégio. A maioria dos seus votos (346) veio do centro.

 

 

 

Zenilda Lemos (MDB) liderou a votação no Campo d’Água Verde, Água Verde e no Industrial 2.

 

 

 

 

Maurício Zimermam (PL) também pulverizou bastante sua votação e liderou os votos em Arroios, Bonetes, Entre Rios, Rio d’Areia de Baixo, Sereia e Valinhos.

 

 

 

Osmar Oleskovicz (PSD) liderou a votação no Alto das Palmeiras, onde por muitos anos foi diretor da Escola Irmã Maria Felícitas. Também liderou a votação em Felipe Schmidt e no Piedade.

 

 

 

Juliana Maciel (PSDB) fez a maioria dos seus 788 votos no centro (308), mas liderou somente no Palmital. Wilmar Sudoski (PSD) só liderou no Salto d’Água Verde, mas fez a maioria dos seus votos no Campo d’Água Verde, onde mora.

 

 

 

 

Silmara Gontarek (PSL), que mora no Rio dos Pardos, liderou a votação na sua localidade e na Barra Mansa, Pinheiros, Rio d’Areia do Meio, Santa Emídia, Serra das Mortes e Taquarizal.

 

 

 

 

O menos votado, Marcos Kucarz (Podemos), não liderou em nenhum local, tendo a maioria dos seus 476 votos no centro.

 

 

 





Deixe seu comentário: